SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.14 issue2Importance of GLUT1 in differential diagnosis of vascular anomaliesEmbolization of pseudoaneurysm with arteriovenous fistula of deep femoral artery secondary to a stab wound: case report author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Jornal Vascular Brasileiro

Print version ISSN 1677-5449On-line version ISSN 1677-7301

Abstract

SANTOS, Fernanda Thaysa Avelino dos et al. Caracterização tecidual de imagem fotográfica durante tratamento de úlcera venosa crônica: nota técnica. J. vasc. bras. [online]. 2015, vol.14, n.2, pp.177-181. ISSN 1677-5449.  http://dx.doi.org/10.1590/1677-5449.0058.

Úlcera de estase na insuficiência venosa crônica constitui desafio médico com impacto socioeconômico. Quantificamos caracterização tecidual por imagem fotográfica (f-CATIM) em ferida de perna tratada com bota de Unna por 45 dias. Três fotografias obtidas pré-tratamento, pós-tratamento com bota e pós-cicatrização foram analisadas. Brilhos em imagem cinza foram recalculados para nova escala no zero preta e 200 para brilho de pele adjacente à ferida. Mediana da escala cinza ou Gray Scale Median (GSM) e proporções de pixels em 14 intervalos de brilho foram estimadas. GSM da úlcera aumentou de 110 para 159 pós-tratamento com bota, atingindo 203 pós-cicatrização. Intervalos predominantes na úlcera: 41-153 pré-tratamento, 83% dos pixels; 133-196 pós-bota, 80%; 175-255 pós-cicatrização, 97%. GSM da ferida subcutânea ao redor da úlcera aumentou de 117 a 137 pós-cicatrização, de 67% a 88% dos pixels no intervalo 91-174 (p<0,001). CATIM quantificou evolução fotográfica de cicatrização de úlcera venosa comparada com pele adjacente.

Keywords : insuficiência venosa; úlcera; fotografia; análise quantitative; cicatrização.

        · abstract in English     · text in English     · English ( pdf )