SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.14 número3Hidrocortisona reduz as concentrações séricas dos biomarcadores inflamatórios séricos em pacientes submetidos a endarterectomia de carótidaAnatomia da circulação medular índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Jornal Vascular Brasileiro

versão impressa ISSN 1677-5449versão On-line ISSN 1677-7301

Resumo

LEAL, Flávia de Jesus; COUTO, Renata Cardoso  e  PITTA, Guilherme Benjamin Brandão. Validação no Brasil de Questionário de Qualidade de Vida na Doença Venosa Crônica (Questionário Aberdeen para Veias Varicosas no Brasil/AVVQ-Brasil). J. vasc. bras. [online]. 2015, vol.14, n.3, pp.241-247. ISSN 1677-5449.  http://dx.doi.org/10.1590/1677-5449.0025.

Contexto

Há crescente interesse por instrumentos de avaliação em saúde produzidos e validados no mundo. Para sua utilização, é necessário realizar a tradução, a adaptação cultural e a validação ao idioma-alvo. No Brasil, existem poucos instrumentos que avaliem o impacto da doença venosa crônica (DVC) na qualidade de vida (QV) do indivíduo.

Objetivo

Validar o AVVQ-Brasil.

Método

Estudo observacional, analítico, para validação de questionário, em que 107 indivíduos com DVC responderam três vezes à versão adaptada do AVVQ para o português brasileiro. As duas primeiras aplicações foram sucessivas, com intervalo de 30 minutos (reprodutibilidade interobservador), e a terceira, após 7 a 15 dias (reprodutibilidade intraobservador). Foram avaliadas também consistência interna e validade.

Resultados

Dos 107 participantes, 87,9% foram do sexo feminino, com idade média de 50,1 anos ± 14,7; assumiram postura em ortostatismo prolongado (57,0%) ao longo da vida e não realizam exercício físico (96,3%); observou-se Ensino Fundamental incompleto (25,2%) e pertencem à classe econômica C2 (36,4%); apresentam gravidade da doença C4 (22,4%) e C6 (23,3%) do CEAP. As reprodutibilidades inter e intraobservador do AVVQ mostraram-se excelentes. Sua consistência interna mostrou-se de excelente a moderada para a maioria dos seus domínios. As correlações de Spearman mostraram pontuação total do AVVQ, com domínio Dor e Disfunção se correlacionando negativamente com todos os domínios do SF-36. O teste de Mann-Whitney mostrou diferença estatística significante para a pontuação total do AVVQ e domínio Complicações entre o CEAP 1, 2, 3 e o CEAP 4, 5, 6.

Conclusão

O AVVQ está validado no Brasil e pode ser utilizado.

Palavras-chave : insuficiência venosa; qualidade de vida; estudos de validação.

        · resumo em Inglês     · texto em Português | Inglês     · Português ( pdf epdf ) | Inglês ( pdf epdf )