SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.18Primary stenting for femoropopliteal peripheral arterial disease: analysis up to 24 monthsVenous thromboembolism, can we do better? Profile of venous thromboembolism risk and prophylaxis in a University Hospital in the State of São Paulo author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Jornal Vascular Brasileiro

Print version ISSN 1677-5449On-line version ISSN 1677-7301

Abstract

ANDREONI, Stephani et al. O perfil das ligas acadêmicas de angiologia e cirurgia vascular e sua eficácia no ensino da especialidade. J. vasc. bras. [online]. 2019, vol.18, e20180063.  Epub Feb 28, 2019. ISSN 1677-5449.  http://dx.doi.org/10.1590/1677-5449.006318.

Contexto

As ligas acadêmicas são organizações estudantis extracurriculares que contam com a supervisão de um docente vinculado à instituição de ensino e visam aprimorar o conhecimento em determinadas áreas. Verificou-se, nos últimos anos, um crescimento do número de novas ligas, nas quais os graduandos têm acesso a informações complementares através de aulas, estágios e congressos. A especialidade de angiologia e cirurgia vascular encontra-se entre aquelas que dispõem dessas organizações.

Objetivos

Determinar o perfil acadêmico das ligas de angiologia e cirurgia vascular das faculdades de Medicina do estado de São Paulo e verificar o desempenho dos membros dessas ligas no ensino.

Métodos

Este estudo transversal, descritivo e analítico incluiu graduandos de Medicina membros de ligas acadêmicas de angiologia e cirurgia vascular do estado de São Paulo. Foram utilizados questionários on-line para determinação dos dados de cada liga e foram aplicadas provas para verificação do desempenho.

Resultados

O ingresso ocorreu prioritariamente por prova, com curso introdutório obrigatório. Realizaram-se aulas teóricas mensalmente em 42,9% das ligas. Quanto a atividades práticas, 85,7% das ligas as realizaram. A maioria das ligas (71,4%) relataram realizar atividades científicas. A comparação pareada do desempenho dos alunos nas provas demonstrou um aumento significativo na média, de 61,1 para 72,6 (p < 0,05).

Conclusões

As ligas acadêmicas de angiologia e cirurgia vascular do estado de São Paulo apresentam modos de funcionamento semelhantes e um perfil heterogêneo quanto a atividades teóricas, práticas e científicas. A partir da presente amostra, as ligas acadêmicas aparentam ser efetivas no ensino de angiologia e cirurgia vascular durante a graduação.

Keywords : educação médica; estudante; desempenho acadêmico.

        · abstract in English     · text in English | Portuguese     · English ( pdf ) | Portuguese ( pdf )