SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.18Histological changes secondary to use of anti-angiogenic therapy after interruption of vasa vasorum flow in the descending aorta: results in a porcine modelComparison of the ankle-brachial index with parameters of stiffness and peripheral arterial resistance assessed by photoplethysmography in elderly patients author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Jornal Vascular Brasileiro

Print version ISSN 1677-5449On-line version ISSN 1677-7301

Abstract

PEDROSA, Barbara Cristina de Sousa et al. Funcionalidade e qualidade de vida em indivíduos com linfedema unilateral em membro inferior: um estudo transversal. J. vasc. bras. [online]. 2019, vol.18, e20180066.  Epub May 16, 2019. ISSN 1677-5449.  http://dx.doi.org/10.1590/1677-5449.006618.

Contexto

O linfedema de membros inferiores é uma doença crônica decorrente de dano no sistema linfático que influencia a mobilidade, a funcionalidade e a qualidade de vida dos indivíduos. Questionários e o teste físico são métodos bastante práticos, de fácil aplicação e baixo custo, que fornecem dados importantes para a avaliação desses pacientes.

Objetivos

Avaliar a influência do linfedema unilateral de membro inferior na funcionalidade e na qualidade de vida, correlacionando três ferramentas de avaliação.

Métodos

Estudo descritivo com 25 indivíduos com linfedema unilateral em membro inferior, de ambos os sexos. Foi avaliada a perimetria e foram aplicados The Medical Outcome Study Short Form-36 Health Survey (SF-36) para avaliação da qualidade de vida, Lymphoedema Functioning, Disability and Health Questionnaire for Lower Limb Lymphoedema (Lymph-ICF-LL) para estudo das habilidades físicas, mentais e sociais relacionadas ao linfedema e o Timed Up and Go (TUG) para avaliação da funcionalidade.

Resultados

Houve a presença de linfedema em todo o membro inferior dos participantes. Os domínios mais prejudicados pelo linfedema foram os aspectos físicos (25,0 ± 31,4) e emocionais (36,0 ± 42,9) no SF-36 e o domínio mobilidade (6,0 ± 2,6) no Lymph-ICF-LL. O TUG foi realizado em 9,88 ± 1,98 s. Houve correlação entre o TUG e os questionários e entre os dois questionários utilizados.

Conclusões

Indivíduos com linfedema unilateral em membro inferior apresentam um impacto negativo na qualidade de vida e na funcionalidade avaliadas através de questionários, que correlacionam entre si. Não foi encontrada alteração no TUG, mas houve correlação entre ele e os questionários utilizados.

Keywords : linfedema; qualidade de vida; fisioterapia.

        · abstract in English     · text in English | Portuguese     · English ( pdf ) | Portuguese ( pdf )