SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.14 número27As artes visuais, as universidades e o regime militar brasileiro: o caso do Núcleo de Arte Contemporânea da Universidade Federal da Paraíba (1978-1985). índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


ARS (São Paulo)

versão impressa ISSN 1678-5320versão On-line ISSN 2178-0447

Resumo

COUTO, Maria de Fátima Morethy. É proibido não participar. Artistas sul-americanos na Europa e a difusão do cinetismo (1950-1960). ARS (São Paulo) [online]. 2016, vol.14, n.27, pp.205-223. ISSN 1678-5320.  http://dx.doi.org/10.11606/issn.2178-0447.ars.2016.117624.

Este artigo tem por objetivo discutir, no cenário londrino e parisiense dos anos 1960, a recepção do trabalho de quatro artistas sul-americanos (Sérgio Camargo, Lygia Clark, Jesús Rafael Soto e Julio Le Parc), que residiram na Europa no período, e cuja obra, então relacionada ao cinetismo, era exposta e comentada nos mesmos espaços. Para tanto, discorrerei sobre a atuação de determinados agentes culturais que serviram de interlocutores desses artistas em um meio plural e cosmopolita. Abordarei também como se deu a circulação e o impacto de seus trabalhos a partir da análise de publicações de época, em especial de revistas especializadas. O artigo se relaciona à pesquisa desenvolvida, no ano de 2015, em estágio de pós-doutorado, na University of the Arts, Londres, com bolsa FAPESP, e como pesquisadora convidada do Institut National de l'Histoire de l'Art (INHA, Paris).

Palavras-chave : arte cinética; participação do espectador; circuito de arte europeu.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )