SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.12 número2Taxa de sobrevivência bacteriana em escovas dentais e sua descontaminação com soluções antimicrobianas índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Journal of Applied Oral Science

versão impressa ISSN 1678-7757

Resumo

LEONARDO, Mario Roberto; SILVA, Raquel Assed Bezerra da; ASSED, Sada  e  NELSON-FILHO, Paulo. A importância da endotoxina bacteriana (LPS) na endodontia atual. J. Appl. Oral Sci. [online]. 2004, vol.12, n.2, pp. 93-98. ISSN 1678-7757.  http://dx.doi.org/10.1590/S1678-77572004000200002.

O conhecimento mais aprofundado sobre a estrutura e atividade biológica das endotoxinas (LPS) revolucionou os conceitos sobre seu mecanismo de ação e formas de inativação. A partir da década de 80, os avanços tecnológicos na cultura e identificação microbiológica demonstraram que, em canais radiculares de dentes portadores de necrose pulpar e lesão periapical crônica, visível radiograficamente, predominam microrganismos anaeróbios, particularmente os gram-negativos. Como se sabe, os microrganismos gram-negativos, além de possuírem diferentes fatores de virulência e gerarem produtos e sub-produtos tóxicos aos tecidos apicais e periapicais, contêm endotoxina em sua parede celular. Esse conhecimento é particularmente importante, uma vez que a endotoxina é liberada durante a multiplicação ou morte bacteriana, exercendo uma série de efeitos biológicos relevantes, que conduzem a uma reação inflamatória e à reabsorção dos tecidos mineralizados. Tendo em vista o papel da endotoxina na patogênese das lesões periapicais, os autores realizaram uma revisão da literatura específica, abordando suas atividades biológicas e a importância de sua inativação durante o tratamento de dentes portadores de necrose pulpar e lesão periapical.

Palavras-chave : Endotoxina bacteriana; Gram-negativos; Hidróxido de cálcio.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · pdf em Inglês