SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.11 número4Nem só de debates epistemológicos vive o pesquisador em administração: alguns apontamentos sobre disputas entre paradigmas e campo científico índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Cadernos EBAPE.BR

versão On-line ISSN 1679-3951

Resumo

SILVEIRA, Rogério Zanon da. - Mãe!? O mundo vai acabar...? Reflexões sobre Desdobramentos e Implicações dos Paradigmas Sociológicos de Burrell e Morgan para os Estudos Organizacionais. Cad. EBAPE.BR [online]. 2013, vol.11, n.4, pp.652-670. ISSN 1679-3951.  http://dx.doi.org/10.1590/S1679-39512013000400012.

Este ensaio se orienta pela seguinte pergunta: Quais desdobramentos e debates importantes ocorreram nos Estudos Organizacionais associados aos estudos de Burrell e Morgan (1979) sobre os paradigmas sociológicos? O objetivo é apresentar um entendimento sobre os estudos desses dois professores, esboçar um panorama das discussões sobre o assunto e discutir, introdutoriamente, novos debates em perspectiva. O ensaio se inspira em indagações lúdicas de uma criança a sua mãe na tentativa de interpretar a realidade social que a envolve. A partir daí, são desenvolvidas reflexões nos campos da objetividade e da subjetividade, integradas com questões epistemológicas e sociológicas da Ciência da Administração. O trabalho é desenvolvido como ensaio teórico e aborda panoramicamente a intensidade das agitações por que passaram e ainda passam os Estudos Organizacionais desde a publicação da obra de Burrell e Morgan (1979), enfocando sua contribuição para enfrentar a hegemonia do funcionalismo nas pesquisas sobre organizações no Brasil. São discutidos aspectos dicotômicos relativos à pesquisa qualitativa e quantitativa e suas relações com pontos de vista epistemológicos e metodológicos correspondentes. Discute-se a possibilidade de utilização de perspectivas teóricas diferentes para o mesmo objeto de estudo, como o chamado multiparadigmatismo e interparadigmatismo nos Estudos Organizacionais, por exemplo. O ensaio indica que as discussões acerca das ideias desses dois professores continuam intensas, gerando um espaço de debates amplo e rico aos pesquisadores dos Estudos Organizacionais, notadamente àqueles interessados no desenvolvimento de pesquisas críticas e interpretativas.

Palavras-chave : Paradigma sociológico; Estudos organizacionais; Teoria crítica; Interpretativismo; Positivismo.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons