SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.7 issue4Color changing and behavioral context in the Amazonian Dwarf Cichlid Apistogramma hippolytae (Perciformes)The ichthyofauna of upper rio Capivari: defining conservation strategies based on the composition and distribution of fish species author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Neotropical Ichthyology

Print version ISSN 1679-6225

Abstract

ALVES, Thaís P.  and  FONTOURA, Nelson F.. Statistical distribution models for migratory fish in Jacuí basin, South Brazil. Neotrop. ichthyol. [online]. 2009, vol.7, n.4, pp. 647-658. ISSN 1679-6225.  http://dx.doi.org/10.1590/S1679-62252009000400014.

O objetivo do presente estudo foi identificar o padrão de distribuição de peixes migradores da bacia hidrográfica do rio Jacuí (Rio Grande do Sul, Sul do Brasil), propondo um modelo matemático de distribuição presumida baseado em parâmetros ambientais geomorfológicos. Através de mapas de probabilidade de ocorrência, espera-se contribuir para a tomada de decisões relacionadas ao gerenciamento desta bacia hidrográfica. As espécies analisadas foram: Salminus brasiliensis (dourado), Leporinus obtusidens (piava), Prochilodus lineatus (grumatã) e Pimelodus pintado (pintado). As amostras foram obtidas a partir de entrevistas com pescadores e moradores locais, percorrendo-se a calha principal dos rios Jacuí, Taquari-Antas, Vacacaí, Vacacaí-Mirim, Pardo, Pardinho, Sinos e Caí. O programa de amostragens resultou em 204 entrevistas, sendo 187 consideradas como válidas em 155 pontos diferenciados. A probabilidade de ocorrência de peixes migradores foi ajustada utilizando-se a rotina LOGIT do software Idrisi Andes: P = e(b0 + b1 . altitude + b2 . área de bacia) . (1 + e(b0 + b1 . altitude + b2 . área de bacia))-1; onde P é a probabilidade de ocorrência da espécie (0-1) e b0, b1 e b2 são os parâmetros da equação. Pimelodus pintado foi citado como presente em 121 pontos dentre os 155 amostrados (78.06%), Prochilodus lineatus em 72 (46.45%), L. obtusidens em 62 (40.00%), e S. brasiliensis em 58 pontos (37.42%). A precisão do modelo, para a presença estimada, ficou entre 82% e 93%. Os parâmetros estimados da equação são descritos a seguir: S. brasiliensis: b0= -2.8762 ± 0.2597; b1= -1.3028 ± 0.0332; b2= 1.1487 ± 0.0301; L. obtusidens: b0 = -0.8364 ± 0.2213; b1 = -1.5564 ± 0.0462; b2 = 0.9947 ± 0.0206; Prochilodus lineatus: b0 = 0; b1 = -1.3067 ± 0.0544; b2 = 0.8128 ± 0.0177; Pimelodus pintado: b0 = -0.9487 ± 0.3688; b1 = -0.8269 ± 0.0496; b2 = 0.9255 ± 0.0304.

Keywords : Salminus brasiliensis; Leporinus obtusidens; Prochilodus lineatus; Pimelodus pintado; Generalized Linear Models.

        · abstract in English     · text in English     · pdf in English