SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.59 número especial 1Stakeholder perceptions of decision-making process on marine biodiversity conservation on sal island (Cape Verde)A comparison of methods for estimating fish assemblages associated with estuarine artificial reefs índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Brazilian Journal of Oceanography

versão On-line ISSN 1982-436X

Resumo

MCKENZIE, Rob; LOWRY, Michael; FOLPP, Heath  e  GREGSON, Marcus. Fouling assemblages associated with estuarine artificial reefs in new South Wales, Australia. Braz. j. oceanogr. [online]. 2011, vol.59, n.spe1, pp. 107-118. ISSN 1982-436X.

Estudos prévios que examinaram a dinâmica de sucessão em recifes artificiais foram focalizados nas comunidades de peixes, e sempre ignoraram o papel exercido pelos organismos incrustantes sobre a estruturação das comunidades associadas aos recifes artificiais. O presente estudo tem por objetivo registrar o desenvolvimento das assembléias epibióticas em três sistemas de recifes artificiais estuarinos com desenho específico (Reef Ball®) localizados em Macquarie Lake, Botany Bay e Bacia de St Georges em New South Wales, Australia. O recrutamento nos recifes artificiais foi relativamente rápido e a maioria dos táxons identificados durante o período dos dois anos de estudo já pode ser observada no primeiro ano. Os recifes de Macquarie Lake e da Bacia de St Georges foram caracterizados por baixa diversidade, sendo registrado o número máximo de seis táxons; em contraste, nos recifes de Botany Bay foram observados dezesseis taxa. Os resultados indicaram que não houve diferença significativa na porcentagem de cobertura dos grupos taxonômicos, tanto na Bacia de St Georges quanto em Macquarie Lake. Por sua vez, as porcentagens de cobertura das espécies nos recifes de Botany Bay mostraram diferenças significativas dentro do complexo recifal. A análise da estrutura das assembléias, quando se considera a idade do recife, indicou a ocorrência de padrões discretos entre os estuários, havendo em geral uma redução da porcentagem de cobertura das algas filamentosas formadoras de tufos (AFT) com o aumento da idade recifal. As diferenças nas condições ambientais e físicas (turbidez, fluxo de água, ação das ondas e proximidade do recife natural) existentes entre estuários e recifes artificiais, podem ter contribuído para as variações observadas nas assembléias incrustantes em Botany Bay.

Palavras-chave : Recifes artificiais; Incrustação; Epibentos; Sucessão; Estuários.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · pdf em Inglês