SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.59 special issue 1Overview on artificial reefs in Europe author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Brazilian Journal of Oceanography

On-line version ISSN 1982-436X

Abstract

PASCALINE, Bodilis; CATHERINE, Seytre; CHARBONNEL, Eric  and  PATRICE, Francour. Monitoring of the artificial reef fish assemblages of golfe juan marine protected area (France, North-Western Mediterranean). Braz. j. oceanogr. [online]. 2011, vol.59, n.spe1, pp. 167-176. ISSN 1982-436X.

Recifes artificiais foram implantados na área protegida Golfe-Juan (costa dos Alpes-Maritimes, Noroeste do Mediterraneo) criada em 1981. Esta área NTZ (Area de Restrição da Pesca ) é inteiramente protegida, desde seu estabelecimento, exceto em 2004, quando algumas atividades antropicas foram excepcionalmente autorizadas. Além disso, desde 2002, não houve nenhuma patrulha florestal para impedir a caça e pesca ilegais. . A fim realizar um monitoramento a longo prazo das assembléias artificiais dos peixes do recife, recenseamentos visuais subaquáticos (UVC) foram realizados em 1988, 1998 e 2008, de acordo com um método visual tradicional de recenseamento, que leva em consideração todas as espécies de peixes. A complexidade de alguns recifes grandes, construídos com amplos espaços vagos, chamados recifes Bonna parece ser uma boa solução para aumentar a riqueza e a densidade das espécies. A riqueza das espécies e a densidade das assembléias de peixes mostraram um aumento significativo entre 1988 e 1998. Entretanto esse aumento rápido parou entre 1998 e 2008 provavelmente devido à falta da aplicação da lei contra a caça e pesca ilegal. . Apesar dos recifes artificiais terem sido instalados em MPAs pelo menos há 20 anos atrás, eles não apresentaram um impacto positivo real nas assembléias de peixes. Estes resultados podem ser explicados (i) por uma falta de patrulhamento da aplicação da lei dentro das áreas protegidas durante a última década, e (ii) pela abertura de um ano de atividades de pesca dentro das MPAs. A eficiência real dos recifes artificiais para sustentar assembléias de peixes é discutida, destacando-se a necessidade de um controle regular e de um patrulhamento regular e eficiente dos parques.

Keywords : Recifes artificiais; Mar Mediterrâneo; Assembléias de peixes; MPAs; UVC; Monitoramento; Desempenho recifes.

        · abstract in English     · text in English     · pdf in English