SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.62 número1Distribution and abundance of Pleuronectiformes larvae off Southeastern BrazilComparison between the shrimp species richness (Caridea and Dendrobranchiata, Decapoda, Crustacea) of the south and north mid Atlantic ridge índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Brazilian Journal of Oceanography

versão impressa ISSN 1679-8759

Resumo

LIRA, Simone Maria de Albuquerque et al. Spatial and nycthemeral distribution of the zooneuston off Fernando de Noronha, Brazil. Braz. j. oceanogr. [online]. 2014, vol.62, n.1, pp.35-45. ISSN 1679-8759.  http://dx.doi.org/10.1590/s1679-87592014058206201.

Ambientes insulares são responsáveis pela modificação da hidrodinâmica das correntes oceânicas e por gerar turbulência vertical. Esta faz com que águas da camada inferior ricas em nutrientes sejam elevadas à região superior da coluna de água, aumentando a biomassa do plâncton local. O objetivo deste trabalho foi avaliar a biomassa e a densidade e das comunidades do zoonêuston em relação às camadas superior e inferior da coluna de água (epi/hiponêuston), à variação nictemeral (dia/noite), corrente superficial predominante (jusante/montante) e à distância da ilha, com foco na variabilidade espacial do plâncton. Amostragens foram realizadas de julho a agosto de 2010 com uma rede de nêuston David-Hempel (Hydro-Bios) com malha de 500 µm. Vinte e um táxons foram registrados, sendo os mais abundantes Copepoda, Chaetognatha, Teleostei (ovos) e Hydrozoa. Apresenta-se também o primeiro registro de larvas de Phoronida para o Atlântico Tropical. Para ambas as camadas, a densidade e a biomassa foram significativamente mais elevadas durante a noite e também significativamente maiores no epinêuston. Este fato provavelmente ocorreu devido à agregação do zoonêuston na superfície do oceano e à forte migração vertical a partir de camadas profundas durante a noite, levando a um aumento das abundâncias dos organismos nesse período, em ambas as camadas neustônicas.

Palavras-chave : Nêuston; Efeito Ilha; Zooplâncton; Larvas de Phoronida; Distribuição Vertical em Pequena Escala; Atlântico Tropical.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons