SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.33 número3Análise do Programa de Controle da Tuberculose em Cáceres, Mato Grosso, antes e depois da implantação do Programa de Saúde da FamíliaAvaliação da notificação no Distrito Federal de casos de tuberculose residentes em dez municípios goianos do entorno e análise da incidência de tuberculose nestas localidades índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Jornal Brasileiro de Pneumologia

versão impressa ISSN 1806-3713

Resumo

QUAGLIATO JUNIOR, Reynaldo et al. Associação entre paracoccidioidomicose e tuberculose: realidade e erro diagnóstico. J. bras. pneumol. [online]. 2007, vol.33, n.3, pp. 295-300. ISSN 1806-3713.  http://dx.doi.org/10.1590/S1806-37132007000300011.

OBJETIVO: Avaliar a freqüência da real associação entre paracoccidioidomicose (PCM) e tuberculose (TB) e a freqüência do diagnóstico errôneo prévio de TB em doentes com PCM entre os pacientes atendidos na Disciplina de Pneumologia do Hospital das Clínicas da Universidade Estadual de Campinas, Campinas (SP). MÉTODOS: Estudo retrospectivo de 227 pacientes adultos com diagnóstico confirmado de PCM (forma crônica) entre 1980 e 2005. RESULTADOS: Dos 227 casos, 36 (15,8%) haviam sido tratados anteriormente para TB. Porém, apenas 18 (7,9%) apresentaram baciloscopia positiva. Os outros 18 (7,9%) nunca tiveram o diagnóstico confirmado pela baciloscopia nem responderam ao tratamento específico para TB. CONCLUSÃO: Apesar de a associação entre PCM e TB existir e estar documentada na literatura, o erro diagnóstico é bastante comum, haja vista a sobreposição e similaridade das apresentações clínicas e radiológicas dessas duas doenças, havendo, portanto, a necessidade do diagnóstico bacteriológico antes de se iniciar o tratamento específico.

Palavras-chave : Paracoccidioidomicose; Tuberculose pulmonar; Diagnóstico diferencial.

        · resumo em Inglês     · texto em Português | Inglês     · pdf em Português | Inglês