SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.33 número3Associação entre paracoccidioidomicose e tuberculose: realidade e erro diagnósticoFatores associados ao óbito por tuberculose na zona leste da cidade de São Paulo, 2001 índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Jornal Brasileiro de Pneumologia

versão impressa ISSN 1806-3713

Resumo

MOREIRA, Maria Auxiliadora Carmo et al. Avaliação da notificação no Distrito Federal de casos de tuberculose residentes em dez municípios goianos do entorno e análise da incidência de tuberculose nestas localidades. J. bras. pneumol. [online]. 2007, vol.33, n.3, pp. 301-310. ISSN 1806-3713.  http://dx.doi.org/10.1590/S1806-37132007000300012.

OBJETIVO: Avaliar a notificação, no Distrito Federal (DF), de casos de tuberculose em residentes nos municípios goianos da região do Entorno e possíveis influências no Plano de Controle da Tuberculose; analisar a taxa de incidência da tuberculose nos municípios e a interferência da situação socioeconômica e das características demográficas sobre esta taxa. MÉTODO: Analisaram-se dados relativos à incidência de tuberculose, taxas de cura, abandono, falência de tratamento, óbito, transferência e informações socioeconômicas e demográficas de dez municípios goianos. RESULTADOS: No período de 2000 a 2004, foram notificados 714 casos novos de tuberculose em residentes nos municípios estudados, sendo que 436 (61,0%) foram atendidos no DF, não sendo registrados no Sistema de Informação de Goiás. Considerando-se os casos atendidos somente em Goiás, a média de incidência de tuberculose do grupo variou de 4,40 a 10,02/100.000 habitantes; somando-se os atendidos no DF, a incidência aumentou significativamente, variando de 15,16 a 20,54/100.000 habitantes (p < 0,001). A taxa de contatos examinados foi baixa e os resultados de tratamento insatisfatórios, tanto em Goiás como no DF. Os dados socioeconômicos e demográficos foram compatíveis com as taxas de incidência. CONCLUSÃO: O número de casos de tuberculose atendidos pelos próprios municípios foi abaixo do esperado e o atendimento fora do município de residência pode comprometer o controle da tuberculose. A incidência de tuberculose recalculada é compatível com o perfil socioeconômico e demográfico da região. Um sistema de vigilância com base territorial pode ter sua eficiência otimizada, melhor contribuindo para o controle da enfermidade.

Palavras-chave : Tuberculose [epidemiologia]; Vigilância epidemiológica; Programas governamentais.

        · resumo em Inglês     · texto em Português | Inglês     · pdf em Português | Inglês