SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.43 issue2Physical characteristics and chemical-nutritional composition of the castanheira-do-gurguéia fruit (Dipteryx lacunifera Ducke)Early development of seedlings of copaiba under different shade levels and substrates author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista Ciência Agronômica

On-line version ISSN 1806-6690

Abstract

AGHAEI, Mohammad; DARVISHZADEH, Reza  and  HASSANI, Abbas. Caracterização molecular de acessos de Ocimum basilicum L. por meio de marcadores ISSR. Rev. Ciênc. Agron. [online]. 2012, vol.43, n.2, pp.312-320. ISSN 1806-6690.  http://dx.doi.org/10.1590/S1806-66902012000200014.

O estudo das relações genéticas é um pré-requisito para atividades em reprodução de plantas assim como para conservação de recursos genéticos. Neste trabalho a diversidade genética entre 50 acessos de Manejericão Iraniano (Ocimum basilicum L.) foram determinadas usando marcadores de Seqüência Simples Repetida Interna (ISSR). Trinta e oito alelos foram identificados utilizando-se 12 locos ISSR. O número de alelos por lócus variou de 1 a 5 com uma média de 3,17. O máximo número de alelos foi observado em A7; 818; 825 e 849 locos, e seus tamanhos variaram de 300 a 2500 bp. Uma matriz de similaridade baseada no coeficiente de Jaccard para todas as 50 acessos obteve valores de 1,00-0,60. A máxima similaridade (1.00) foi observada nos acessos "Urmia" e "Shahr-e-Rey II" assim como entre os acessos "Urmia" e "Qazvin II". A menor similaridade (0,60) foi observada entre os acessos "Tuyserkan I" e "Gom II". O algoritmo de análise de agrupamentos foi o método da distância média usando a média aritmética (UPGMA) que classificou os acessos estudadas em três distintos grupos. Todos os acessos do manjericão com exceção de "Babol III", "Ahvaz II", "Yazd II" e "Ardebil I", foram localizadas nos grupos I e II. A cor da folha foi uma característica específica que influenciou o agrupamento dos acessos do Manjericão Iraniano. Devido a esta relação, os resultados da análise de coordenada principal (PCoA) aproximadamente corresponde à aquela obtida pela análise de agrupamentos. Os resultados revelam que a distribuição geográfica dos genótipos não pode ser usada como base para parentais cruzados com alta heterosis e, portanto devem ser conduzidos estudos genéticos para tais fins.

Keywords : Manjericão; Análise de agrupamentos; Marcadores moleculares; Diversidade genética de plantas.

        · abstract in English     · text in English     · English ( pdf epdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License