SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.43 issue3Osmotic dehydration of jack fruit slicesBiometrics applied to intra-population improvement of the yellow passion fruit author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista Ciência Agronômica

On-line version ISSN 1806-6690

Abstract

OLIVEIRA, Francisco de Assis de et al. Sensibilidade do algodoeiro ao cloreto de mepiquat em condições salinas. Rev. Ciênc. Agron. [online]. 2012, vol.43, n.3, pp. 484-492. ISSN 1806-6690.  http://dx.doi.org/10.1590/S1806-66902012000300010.

Este trabalho foi realizado com o objetivo de avaliar o efeito de diferentes níveis de salinidade da água de irrigação e tratamento de sementes com regulador vegetal no desenvolvimento do algodoeiro. O delineamento experimental adotado foi inteiramente ao acaso, arranjados em esquema fatorial 5 x 2 com quatro repetições. Os tratamentos resultaram da combinação de cinco níveis de salinidade da água de irrigação (S1-0,5; S2-2,0; S3-3,5; S4-5,0 e 6,5 dS m-1) em sementes tratadas e não tratadas com regulador vegetal. As características avaliadas foram: número de folhas, área foliar, altura, massa seca do caule, das folhas e da parte vegetativa, área foliar específica e razão de área foliar. Houve interação entre salinidade e tratamentos de sementes com cloreto de mepiquat apenas para área foliar e razão de área foliar. Todas as demais características foram reduzidas com o aumento da salinidade da água de irrigação, com maiores reduções para área foliar (média de 65,8%) e massa seca da parte vegetativa (64%). O tratamento das sementes com cloreto de mepiquat afetou o desenvolvimento das plantas, independente da salinidade.

Keywords : Algodão; Plantas-efeito do sal; Plantas-desenvolvimento.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese