SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.43 issue4Profitability of the organic production of lettuce as a function of the environment, preparation of the soil and planting seasonFeed intake and its prediction using the NRC, CNCPS and BR-Corte systems for confined young Zebu bulls author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista Ciência Agronômica

On-line version ISSN 1806-6690

Abstract

MIOTTO, Fabrícia Rocha Chaves et al. Consumo e digestibilidade de dietas contendo níveis de farelo do mesocarpo de babaçu para ovinos. Rev. Ciênc. Agron. [online]. 2012, vol.43, n.4, pp. 792-801. ISSN 1806-6690.  http://dx.doi.org/10.1590/S1806-66902012000400022.

Objetivou-se avaliar o consumo, a digestibilidade aparente de nutrientes e o balanço de nitrogênio de dietas contendo farelo de mesocarpo de babaçu (FMB) em substituição à silagem de capim elefante (0; 21; 38; 62 e 78%). Utilizaram-se 20 ovinos alojados em gaiolas metabólicas individuais e distribuídos em delineamento inteiramente casualizado com quatro repetições. Foram coletados e registrados o consumo de alimentos e excreções de fezes e urina. Os consumos de matéria seca, matéria orgânica, proteína bruta, cinzas, fibra em detergente neutro, fibra em detergente ácido, hemicelulose e carboidratos totais não foram influenciados pelas dietas experimentais. Foi observada alteração nos consumos de carboidratos não fibrosos (CCNF) e redução nos consumos de extrato etéreo em % do PV e em gramas por unidade de tamanho metabólico (g UTM-1). O consumo de nutrientes digestíveis totais (CNDT) teve comportamento quadrático com pontos de máximo em 37,3 e 37,9% de FMB expressos em %PV e g UTM-1, respectivamente. As digestibilidades aparentes da matéria orgânica, fibra em detergente neutro, fibra em detergente ácido, proteína bruta e carboidratos não fibrosos reduziram na medida em que o FMB aumentou nas dietas. As digestibilidades aparentes da matéria seca (DAMS), extrato etéreo e carboidratos não fibrosos tiveram comportamento quadrático, com máxima DAMS estimada em 10% de FMB. O NDT reduziu 0,28% para cada ponto percentual de inclusão de FMB nas dietas. A adição do FMB reduziu a digestibilidade das frações fibrosas e aumentou o CCNF e o CNDT, o que indica que este subproduto pode ser utilizado como fonte energética em dietas para ruminantes.

Keywords : carboidratos não fibrosos; fibra em detergente neutro; subproduto; teor de carboidratos.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese