SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.45 número4Atividade biológica de solo sob cultivo múltiplo de maracujá, abacaxi, milho, mandioca e plantas de coberturaHeterogeneidade espacial dos solos de Cerrado, zona de ecótono com o Pantanal índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Revista Ciência Agronômica

versão On-line ISSN 1806-6690

Resumo

CHERUBIN, Maurício Roberto et al. Malhas amostrais utilizadas na caracterização da variabilidade espacial de pH, Ca, Mg e V% em Latossolos. Rev. Ciênc. Agron. [online]. 2014, vol.45, n.4, pp.659-672. ISSN 1806-6690.  http://dx.doi.org/10.1590/S1806-66902014000400004.

O conhecimento da variabilidade espacial é um importante fator a ser considerado no planejamento de um programa de amostragem de solo e manejo das culturas na agricultura de precisão (AP). Nesse contexto, o objetivo do trabalho foi avaliar a eficiência das dimensões das malhas amostrais utilizadas no Rio Grande do Sul (RS) na caracterização da variabilidade espacial dos atributos pHágua, saturação por bases (V%), teores de cálcio (Ca) e magnésio (Mg). O estudo foi realizado em 30 áreas agrícolas localizadas na região Norte do RS que apresentam solos classificados como Latossolos Vermelhos e que são manejadas com ferramentas de AP. As dimensões das malhas amostrais estudadas foram: 100 x 100 m (10 áreas), 142 x 142 m (10 áreas) e 173 x 173 m (10 áreas). A profundidade de coleta de solo foi de 0,00-0,10 m. Os dados de pHágua, V%, Ca e Mg foram submetidos à análise estatística exploratória e à análise geoestatística por meio de semivariogramas. As áreas apresentaram elevados teores de Ca (> 4,0 cmolc dm-3) e Mg (> 1,0 cmolc dm-3) e problemas localizados de acidez (pHágua < 5,5 ou V < 65%), justificando a realização de calagem em sítios específicos. Considerando os procedimentos geoestatísticos, as malhas amostrais utilizadas nas áreas de Latossolos Vermelhos manejados com AP no RS não são eficientes para captar as escalas da variabilidade espacial dos atributos de pHágua, V%, teores de Ca e Mg, podendo comprometer a acurácia das prescrições de corretivos em sítios específicos.

Palavras-chave : Acidez do solo; Agricultura de precisão; Amostragem de solo; Geoestatística.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons