SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.46 número4Modelo alométrico para estimativa da área foliar de variedades clonais de café (Coffea canephora)Produtividade da soja sob alturas de pastejo de Brachiaria ruziziensis em sistema de integração lavoura-pecuária índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Revista Ciência Agronômica

versão impressa ISSN 0045-6888versão On-line ISSN 1806-6690

Resumo

SANTOS, Priscila Bezerra dos; BARBOSA, Felipe de Sousa; VIEIRA, Cinthya Fontenele  e  CARVALHO, Ana Cristina Portugal Pinto. Número de explantes, meio de cultura e fotoperíodo na micropropagação de abacaxizeiro ornamental. Rev. Ciênc. Agron. [online]. 2015, vol.46, n.4, pp.749-754. ISSN 0045-6888.  https://doi.org/10.5935/1806-6690.20150062.

Um dos fatores limitantes da expansão do cultivo comercial do abacaxizeiro ornamental, Ananas comosus var. erectifolius (L.B. Smith) Coppens & Leal, é a disponibilidade de mudas, em quantidade e qualidade. A micropropagação permite a obtenção de maior taxa de multiplicação e garante a alta qualidade fitossanitária das mudas obtidas; porém, o custo de produção deste tipo de material propagativo ainda é relativamente elevado. Dessa forma, o presente trabalho teve como objetivo determinar uma relação mais adequada entre os fatores: número de explantes por frasco, meio de cultura e fotoperíodo, visando aumentar a taxa de multiplicação in vitro desta variedade de abacaxizeiro ornamental; e, consequentemente, otimizar os custos de produção da muda micropropagada. Utilizou-se o delineamento inteiramente casualizado, com os tratamentos envolvendo três fatores: número de explantes por frasco (4, 5 e 6); meio de cultura (MS + 0,54 µM de ANA acrescido de 2,22 µM ou 4,44 µM de BAP) e fotoperíodo (12 e 16 horas), em dez repetições. Nas taxas de multiplicação obtidas, foram registradas diferenças significativas quanto ao fotoperíodo e à interação entre os três fatores analisados. Não foram evidenciadas diferenças significativas para o número de explantes utilizados por frasco, nem para o meio de cultura isoladamente. Do ponto de vista econômico, recomenda-se a utilização de seis explantes por frasco, cultivados no meio MS + 4,44 µM de BAP + 0,54 µM de ANA, sob fotoperíodo de 12 horas de luz.

Palavras-chave : Bromeliaceae; Floricultura; Cultura de tecidos vegetais; Produção de mudas.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )