SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.48 número5SPEDesempenho agronômico do feijão-caupi sob diferentes lâminas de irrigação e espaçamentos entre fileirasQualidade nutricional da proteína de Vigna unguiculata L. Walp. e de seu isolado proteico índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Revista Ciência Agronômica

versão impressa ISSN 0045-6888versão On-line ISSN 1806-6690

Resumo

OLIVEIRA, Diêgo Sávio Vasconcelos de et al. Adaptabilidade e estabilidade da densidade de zinco em genótipos de feijão-caupi via GGE-Biplot. Rev. Ciênc. Agron. [online]. 2017, vol.48, n.5spe, pp.783-791. ISSN 0045-6888.  http://dx.doi.org/10.5935/1806-6690.20170091.

A biofortificação é uma estratégia que visa melhorar a qualidade nutricional dos alimentos via melhoramento genético. O zinco é um mineral importante para a saúde humana, por participar de vários processos fisiológicos, tais como função imune, defesa antioxidante, crescimento e desenvolvimento. Por isso, o zinco é um mineral bastante estudado na biofortificação do grão em feijão-caupi. Este trabalho objetivou avaliar a adaptabilidade e a estabilidade da densidade de zinco no grão de 12 genótipos de feijão-caupi em quatro ambientes nos estados do Piauí e Maranhão por meio da análise de GGE-Biplot. Adotou-se o delineamento de blocos completos casualizados com quatro repetições. Amostras de grãos de cada genótipo foram trituradas e as farinhas foram submetidas à análise da densidade de zinco em espectrofotômetro de absorção atômica de chama. Foram realizadas análises de variância e a adaptabilidade e estabilidade da densidade de zinco foram avaliadas via método GGE-Biplot. Os genótipos se comportaram diferencialmente com os ambientes de teste para a concentração de zinco. De acordo com a análise GGE-Biplot, o ambiente considerado mais discriminante em relação aos genótipos foi Parnaíba-PI. Campo Grande do Piauí-PI e Parnaíba-PI foram os ambientes mais representativos para seleção de genótipos biofortificados em zinco testado no Piauí. Parnaíba-PI foi o ambiente ideal para a seleção de genótipos adaptados à alta densidade de zinco no grão. A cultivar BRS Xiquexique foi considerada o genótipo ideal, por apresentar a maior concentração de zinco no grão e alta estabilidade conforme a análise GGE-Biplot, seguido das linhagens MNC04-774F-78 e MNC04-782F-108.

Palavras-chave : Vigna unguiculata; Micronutriente; Biofortificação; Interação genótipos x ambientes.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )