SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.21 número1Cones nacionais de guta-percha. Parte II: propriedades térmicasPrevalência de hemangioma, malformação vascular e variz de boca numa população brasileira índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Brazilian Oral Research

versão On-line ISSN 1807-3107

Resumo

TANOMARU, Juliane Maria Guerreiro et al. Atividade antimicrobiana in vitro de diferentes composições de cones de guta-percha e pastas de hidróxido de cálci. Braz. oral res. [online]. 2007, vol.21, n.1, pp.35-39. ISSN 1807-3107.  http://dx.doi.org/10.1590/S1806-83242007000100006.

O objetivo deste estudo foi a avaliação da atividade antimicrobiana de diferentes marcas e composições de cones de guta-percha e pastas à base de hidróxido de cálcio utilizados em endodontia. Os materiais avaliados foram: cones de guta-percha contendo hidróxido de cálcio (RoekoTM), cones de guta-percha contendo clorexidina (RoekoTM), duas marcas de cones de guta-percha (Endo PointsTM e RoekoTM) e duas pastas à base de hidróxido de cálcio (CalenTM e Calen/PMCCTM). Os testes antimicrobianos incluíram 5 espécies de microrganismos: Escherichia coli (ATCC10538), Staphylococcus epidermidis (ATCC12228), Staphylococcus aureus (ATCC6538), Pseudomonas aeruginosa (ATCC27853) e Micrococcus luteus (ATCC9341). O método empregado foi o de difusão em Ágar. As placas foram mantidas em temperatura ambiente por 2 horas para pré-difusão e então incubadas a 37°C por 24 horas. O gel de cloreto de trifeniltetrazólio foi acrescentado para otimização e as zonas de inibição foram medidas. A análise estatística foi realizada pela análise de variância e pelo teste de Tukey. Os resultados obtidos demonstraram que todas as espécies microbianas usadas foram inibidas pelos cones de guta-percha com clorexidina e pelas pastas à base de hidróxido de cálcio (CalenTM e Calen/PMCCTM), com resultados similares entre os materiais (p > 0.05). Nenhuma atividade antimicrobiana foi observada para os demais grupos. Concluiu-se que os cones de guta-percha com clorexidina apresentaram atividade antimicrobiana, enquanto os cones com hidróxido de cálcio não demonstraram esta propriedade.

Palavras-chave : Guta-percha; Microbiologia; Hidróxido de cálcio; Clorexidina.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf epdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons