SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.43 número5Estágio de mineralização dos terceiros molares e sua relação com a idade cronológica: uma amostra da população do Centro-Oeste do BrasilPré-hipertensão, hipertensão arterial e fatores associados em pacientes odontológicos: estudo transversal na cidade de Santa Maria-RS, Brasil índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Revista de Odontologia da UNESP

versão On-line ISSN 1807-2577

Resumo

FE, Jessyca Leal Moura et al. Aloe vera como veículo ao mineral trióxido agregado: estudo em reparo ósseo. Rev. odontol. UNESP [online]. 2014, vol.43, n.5, pp.299-304. ISSN 1807-2577.  http://dx.doi.org/10.1590/rou.2014.048.

OBJETIVO:

Mineral trióxido agregado (MTA) foi associado a Aloe vera para se verificar a ação coadjuvante desta planta medicinal no processo de neoformação óssea em tíbia de ratos.

MATERIAL E MÉTODO:

36 ratos machos (Rattus norvegicus) foram utilizados, divididos em dois grupos com 18 animais em cada. Dois defeitos ósseos circunferenciais com aproximadamente 5 mm de diâmetro foram feitos na tíbia direita de cada animal: o defeito superior foi preenchido com coágulo sanguíneo em ambos os grupos para servir como controle e o defeito inferior foi preenchido com MTA e Aloe vera (grupo E1) e MTA e água destilada (grupo E2). Sete, 15 e 30 dias após a cirurgia, seis animais de cada grupo foram submetidos à eutanásia e a tíbia direita de cada animal foi retirada para análise histológica.

RESULTADO:

Histologicamente, o grupo experimental E1 apresentou melhores resultados para as duas variáveis, inflamação [em sete dias (p = 0,045)] e formação óssea [em sete dias (p = 0,018) e 30 dias (p = 0,034)], em comparação com os resultados do grupo E2.

CONCLUSÃO:

A associação entre o MTA e Aloe vera demonstrou potencial para reduzir os efeitos da cascata inflamatória e promover a neoformação óssea, tornando-a uma proposta promissora para uso futuro no tratamento endodôntico.

Palavras-chave : Regeneração óssea; medicamentos fitoterápicos; inflamação; histologia; endodontia.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )