SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.62 issue2The impact of noninvasive ventilation during the physical training in patients with moderate-to-severe chronic obstructive pulmonary disease (COPD)Isokinetic torque peak and hamstrings/quadriceps ratios in endurance athletes with anterior cruciate ligament laxity author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Clinics

Print version ISSN 1807-5932On-line version ISSN 1980-5322

Abstract

PRACCHIA, Luís Fernando et al. Estudo metabólico com flúor-18-fluorodeoxiglicose no estadiamento e avaliação de massa residual ou recidiva no linfoma de Hodgkin. Clinics [online]. 2007, vol.62, n.2, pp.121-126. ISSN 1807-5932.  http://dx.doi.org/10.1590/S1807-59322007000200005.

OBJETIVO: O estudo metabólico com 18F-fluorodeoxiglicose é uma ferramenta útil para o manejo de portadores de linfoma de Hodgkin, tanto como método auxiliar no estadiamento da doença, quanto na avaliação de massas suspeitas encontradas após tratamento. O objetivo deste estudo foi investigar o valor do estudo com 18F-fluorodeoxiglicose em gama câmara híbrida no estadiamento e na detecção de tumor residual em pacientes com linfoma de Hodgkin. MÉTODOS: Trinta e oito pacientes foram incluídos neste estudo retrospectivo, 18 foram avaliados com o estudo metabólico durante o estadiamento (Grupo 1), sendo os resultados do estudo comparados com os obtidos com o estadiamento convencional, que incluiu tomografia e biópsia de medula óssea. Os 20 pacientes restantes realizaram o estudo metabólico devido à presença de massa residual ou de nova lesão suspeita (Grupo 2). RESULTADOS: O estudo metabólico aumentou o estádio de cinco (27%) dos pacientes do Grupo 1 e pôde detectar mais lesões que os métodos convencionais de estadiamento (45 lesões detectadas com 18F-fluorodeoxiglicose versus 33 lesões métodos convencionais). Nos 20 pacientes do Grupo 2, 11 foram 18F-fluorodeoxiglicose positivos e tumor viável foi confirmado em 9 pacientes. Nos 9 pacientes com estudo metabólico negativo, a probabilidade de recidiva em um ano foi de 11.8%. A sensibilidade, especificidade, valor preditivo positivo, valor preditivo negativo e a acurácia do estudo metabólico foram de 90%, 80%, 82%, 89% e 85% respectivamente. CONCLUSÕES: O estudo com 18F-fluorodeoxiglicose apresentou melhor acurácia que os métodos convencionais de estadiamento do Linfoma de Hodgkin e foi útil para o diagnóstico não-invasivo de lesões suspeitas.

Keywords : Fluorodeoxiglicose (FDG); Tomografia por emissão de pósitrons; Linfoma de Hodgkin (LH); Estadiamento de neoplasias.

        · abstract in English     · text in English     · English ( pdf epdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License