SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.33 número1Tabasco pepper production with CO2 application using drip irrigationSeed phytate and protein content in beans depending on the application of basalt powder índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Acta Scientiarum. Agronomy

versión On-line ISSN 1807-8621

Resumen

CASTOLDI, Gustavo et al. Sistemas de cultivo e uso de diferentes adubos na produção de silagem e grãos de milho. Acta Sci., Agron. (Online) [online]. 2011, vol.33, n.1, pp. 139-146. ISSN 1807-8621.  http://dx.doi.org/10.4025/actasciagron.v33i1.766.

O presente trabalho teve por objetivo avaliar o desempenho do milho para produção de silagem e grãos, cultivado em diferentes sistemas e adubações. O delineamento experimental adotado foi de blocos inteiramente casualizados, em esquema fatorial 2 x 3, composto por dois sistemas de cultivo (sucessão e rotação de culturas) e três fontes de adubação (orgânica, mineral e organomineral), com quatro repetições. Para produção de silagem de planta inteira, os sistemas e as adubações não diferiram estatisticamente entre si (p < 0,05). Para produção de silagem de grão úmido, o sistema em sucessão e a adubação mineral mostraram-se superiores aos demais, produzindo 10.823 e 10.815 kg ha-1, respectivamente, não incrementando, contudo, qualidade à silagem. Já na colheita dos grãos, o sistema em sucessão produziu em média 6.820 kg ha-1 e foi superior ao sistema em rotação. A adubação mineral foi superior às demais, produzindo em média 7.277 kg ha-1, contudo apresentou 54,62% de plantas acamadas, fato este que resultaria em perdas significativas na produtividade, caso a colheita tivesse sido mecanizada.

Palabras llave : sistema plantio direto; rotação de culturas; adubação orgânica.

        · resumen en Inglés     · texto en Portugués     · pdf en Portugués