SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.33 issue2Growth of hybrids and rootstock varieties of citrus under salinityWater deficit and ABA application on leaf gas exchange and flavonoid content in marigold (Calendula officinalis L.) author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Acta Scientiarum. Agronomy

On-line version ISSN 1807-8621

Abstract

MOTA, José Hortêncio; VIEIRA, Maria do Carmo  and  ARAUJO, Charles de. Crescimento e produção de alface e marcela em cultivo solteiro e consorciado. Acta Sci., Agron. (Online) [online]. 2011, vol.33, n.2, pp.269-273. ISSN 1807-8621.  https://doi.org/10.4025/actasciagron.v33i2.4426.

Este estudo teve por objetivo avaliar a produtividade e a renda bruta da alface e marcela em cultivo solteiro e consorciado. O experimento foi realizado com duas fileiras de marcela espaçadas de 0,50 m; duas fileiras de marcela espaçadas de 0,35 m; três fileiras de alface espaçadas em 0,35 m; quatro fileiras de alface espaçadas em 0,25 m; duas fileiras de marcela espaçadas de 0,50 m alternadas com quatro fileiras de alface; e duas fileiras de marcela espaçadas de 0,35 m alternadas com três fileiras de alface. Os seis tratamentos foram arranjados em blocos casualizados com quatro repetições. Para cada espécie avaliaram-se diferentes variáveis das plantas. O consórcio foi avaliado utilizando-se a expressão da razão de área equivalente (RAE) e sua validação foi pela determinação da renda bruta. As produções de alface e marcela não diferiram em relação ao tipo de cultivo. As RAEs calculadas indicaram que ambos os consórcios foram efetivos. Porém, pela renda bruta, constatou-se que apenas para os produtores de marcela a opção de cultivo consorciado foi mais viável economicamente, enquanto para os produtores de alface, o cultivo solteiro apresentou melhor desempenho.

Keywords : Lactuca sativa L.; Achyrocline satureioides (Lam.) DC.; consórcio.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License