SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.35 issue3Allelopathy in five species of ErythroxylumCharacterizing zinc use efficiency in varieties of Arabica coffee author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Acta Scientiarum. Agronomy

On-line version ISSN 1807-8621

Abstract

LIMA, Stefany Lorrayny et al. Biochar como substituto de matéria orgânica na formação de substratos para mudas. Acta Sci., Agron. [online]. 2013, vol.35, n.3, pp.333-341. ISSN 1807-8621.  https://doi.org/10.4025/actasciagron.v35i3.17542.

Neste trabalho hipotetizamos que o carvão pirogênico (biochar) apresenta propriedades capazes de substituir a matéria orgânica fresca (esterco bovino) devido a ações eletrofisiológicas no complexo solo-planta atribuídas a este material, tendo ainda a vantagem de ser mais estável e duradouro. O experimento foi realizado no viveiro da Universidade do Estado de Mato Grosso, município de Nova Xavantina, no período de abril a junho de 2011. O delineamento experimental foi o de blocos casualizados, com dez tratamentos e quatro repetições, incluindo um substrato comercial. Testes de regressão linear demonstraram uma relação fortemente positiva dos tratamentos de esterco com biomassa fresca e seca, número de folhas, diâmetro, altura e Índice de Qualidade de Dickson aos 30 e 40 dias após a semeadura (DAS), à exceção da altura aos 30 DAS. Por outro lado, não foi verificada relação significativa com as doses de biochar em nenhuma avaliação para nenhum destes parâmetros. A utilização de substratos com diferentes doses de esterco bovino proporcionou melhora na qualidade das mudas superior ao biochar e ao substrato comercial. A hipótese de que o biochar substitui a matéria orgânica fresca, com a vantagem da maior estabilidade do material no substrato, não se sustentou.

Keywords : Solanum melongena; carvão vegetal; esterco bovino; produção de mudas.

        · abstract in English     · text in English     · English ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License