SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.34 issue3Mathematical modeling for digestible energy in animal feeds for tilapia author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Acta Scientiarum. Animal Sciences

On-line version ISSN 1807-8672

Abstract

ALBUQUERQUE, Karina Perehouskei et al. Resposta super ovulatória, produção e qualidade de embriões de vacas suplementadas com semente de linhaça ou grãos de canola. Acta Sci., Anim. Sci. [online]. 2012, vol.34, n.3, pp. 321-327. ISSN 1807-8672.  http://dx.doi.org/10.4025/actascianimsci.v34i3.13372.

Este estudo avaliou a resposta superovulatória, produção e qualidade de embriões e o efeito da estação do ano sobre as alterações hormonais e na produção embrionária de vacas Nelores alimentadas com semente de linhaça (n-3) ou semente de canola (n-6). Dezesseis vacas Nelores foram usadas neste estudo (550 ± 48,0 kg). Nas quatro estações do ano as vacas receberam diferentes dietas: controle (CON), com semente de linhaça (LIN) e com semente de canola (CAN). Não houve diferença na resposta superovulatória e número total de corpos lúteos produzidos em função das dietas. O número de vacas que respondeu ao tratamento superovulatório foi maior na primavera (93,8%) do que no verão (62,5%). Não houve diferença para as três dietas sobre o número médio de estruturas colhidas (6,20; 4,96 e 6,50), de estruturas não fertilizadas (2,53; 1,17 e 1,60) ou de embriões congeláveis (3,40; 1,30 e 3,80). O número médio de embriões degenerados foi maior para as vacas com a dieta LIN (2,48) do que para as vacas da dieta CON (0,32). A dieta CAN mostrou uma resposta intermediária (1,10). O número de estruturas produzidas foi menor no inverno (3,57) e verão (3,50) do que no outono (8,75) e primavera (7,25).

Keywords : estação do ano; dietas; embriões; ácidos graxos; fertilidade; ômega 3; ômega 6.

        · abstract in English     · text in English     · pdf in English