SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.85Sobrevivência e injúrias ocasionadas por Deois flavopicta (Stal, 1854) em pastagens submetidas a tratamento de sementes com inseticidas e produtividade de massa secaAtratividade, não-preferência para alimentação e oviposição de Ascia monuste orseis Godart (Lepidoptera: Pieridae) em couve comum índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Arquivos do Instituto Biológico

versão impressa ISSN 0020-3653versão On-line ISSN 1808-1657

Resumo

SILVA JUNIOR, Antonio Carlos da; GONCALVES, Clebson Gomes; QUEIROZ, Juliana Roberta Gobi  e  MARTINS, Dagoberto. Estudo da lixiviação do herbicida tebuthiuron com plantas bioindicadoras. Arq. Inst. Biol. [online]. 2018, vol.85, e0692015.  Epub 25-Out-2018. ISSN 0020-3653.  https://doi.org/10.1590/1808-1657000692015.

O solo é o destino final da maioria dos herbicidas utilizados no sistema agrícola e, sendo esta relação dinâmica, eles podem permanecer na solução ou ser carregados no perfil do solo, podendo atingir o lençol freático. O objetivo deste trabalho foi avaliar o potencial de lixiviação do herbicida tebuthiuron por meio de plantas bioindicadoras e após a ocorrência de precipitações pluviométricas naturais, em solos com texturas franco arenoso (Latossolo Vermelho-Amarelo) e argiloso (Neossolo Litólico). O delineamento experimental foi o inteiramente casualizado em um esquema fatorial 3 x 8 com quatro repetições, sendo três níveis de precipitação pluviométrica (30-40, 60-80 e 100-120 mm) e oito de profundidade do perfil do solo (0-3, 3-6, 6-9, 9-12, 12-15, 15-20, 20-25 e 25-30 cm). As coletas das amostras ocorreram após a aplicação do herbicida tebuthiuron nas doses de 750 e 600 g ha-1 para o solo argiloso e arenoso, respectivamente, e posterior acúmulo das precipitações. Para a coleta das amostras foram introduzidas, no perfil do solo, colunas de PVC com 30 cm de altura e 15 cm de diâmetro. As colunas foram retiradas cuidadosamente escavando-se ao seu redor, mantendo a integridade original do solo durante a coleta. Posteriormente, as colunas foram separadas com corte longitudinal, para a semeadura das espécies bioindicadoras pepino (Cucumis sativus L.) e alface (Lactuca sativa L.). Para as avaliações das plantas bioindicadoras nas colunas, adotou-se a escala de notas de 0 a 100% de fitotoxicidade, aos 5, 7, 10 e 12 dias após a semeadura. A mobilidade do herbicida tebuthiuron mostrou-se reduzida em ambos os tipos de solo estudado, independentemente da precipitação pluvial, e as plantas de pepino mostraram-se mais adequadas para serem utilizadas como espécie bioindicadora.

Palavras-chave : Dinâmica de herbicidas; perfil do solo; tipo de solo; plantas daninhas.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )