SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.9 issue1Nuclear magnetic resonance in postoperative lumbar discectomy in asymptomatic patients and with failed back surgery syndromeVariations in the phenotypic presentation of adolescent idiopathic scoliosis author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Coluna/Columna

Print version ISSN 1808-1851

Abstract

MEZZADRI, Juan José  and  RIMOLDI, Jaime Jorge. Medida do comprimento das raízes cervicais pela ressonância magnética: relação com a paralisia pós-operatória e a quinta raiz cervical. Coluna/Columna [online]. 2010, vol.9, n.1, pp. 14-18. ISSN 1808-1851.  http://dx.doi.org/10.1590/S1808-18512010000100004.

OBJETIVO: determinar o comprimento da raiz C5. MÉTODOS: as colunas cervicais de 50 pacientes (29 homens - 21 mulheres), com idades entre 26 e 68 anos foram analisadas com ressonância magnética (Signa 1,5 T, cortes axiais de 5 mm de espessura, TR=850, TE=26, FOV=200). Foram incluídos casos com dor cervical e/ou cervicobraquial. O comprimento das raízes C3 a C7, à direita e esquerda, foi medido. A comparação das médias foi realizada com uma análise de variância para um nível de significação α = 0,05 com IC de 95%. As comparações post-hoc foram feitas com o teste de Bonferroni. RESULTADOS: foi observado que o lado (direito ou esquerdo) e o sexo (homem ou mulher) não tiveram incidência estatística significante em relação ao valor do comprimento das raízes. A raiz C5 evidenciou um tamanho significativamente diferente (p<0,05) do resto das raízes analisadas, mais comprovou-se que aquela mais curta foi C3. CONCLUSÃO: a raiz C5 não é a mais curta.

Keywords : Laminectomia; Doenças da medula espinal [cirurgia]; Vértebras cervicais [patologia]; Raízes nervosas espinhais; Imagem por ressonância magnética.

        · abstract in English | Spanish     · text in Spanish     · pdf in Spanish