SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.15 número1Análise cinemática comparativa da fase de apoio da corrida em adultos e idososEfeitos da terapia fotodinâmica e de uma única aplicação de laser de baixa potência em bactérias in vitro índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Fisioterapia e Pesquisa

versão On-line ISSN 2316-9117

Resumo

TIRLONI, Ana Teresa; BELCHIOR, Carulina Guimarães; CARVALHO, Paulo de Tarso Camillo de  e  REIS, Filipe Abdalla dos. Efeito de diferentes tempos de alongamento na flexibilidade da musculatura posterior da coxa. Fisioter. Pesqui. [online]. 2008, vol.15, n.1, pp.47-52. ISSN 2316-9117.  http://dx.doi.org/10.1590/S1809-29502008000100008.

O alongamento é uma das técnicas mais utilizadas para se obter aumento da amplitude de movimento (ADM), porém não há consenso sobre o tempo necessário de alongamento para aumentar a flexibilidade. O objetivo do estudo foi verificar qual tempo de duração de alongamento é mais eficaz, avaliando-se a flexibilidade pela mensuração do ângulo poplíteo (AP). Foram recrutadas 30 voluntárias com idade média de 21,1±2,9 anos, divididas aleatoriamente em cinco grupos (controle, 15, 60, 90 e 120 segundos), e submetidas a quatro semanas de alongamento passivo durante diferentes tempos, sendo avaliadas por três examinadores clínicos pelo teste do AP associado à ADM. Os dados foram submetidos a análise estatística, com nível de significância p<0,05; para verificar a confiabilidade inter-examinadores foi utilizado o coeficiente de correlação intraclasse (ICC); a confiabilidade foi excelente (ICC=0,985). Houve diferença significativa quando se compararam 15 segundos de alongamento com 120 segundos (p<0,01) e também na comparação entre os grupos de 90 e 120 segundos (p<0,05). O ganho de ADM foi maior nos grupos 90 e 120 segundos. O grupo de 120 segundos apresentou a maior média e o de 90 segundos, a maior variação no quesito confiabilidade entre examinadores. Conclui-se que quanto maior o tempo de sustentação do alongamento, maior será o ganho de flexibilidade.

Palavras-chave : Amplitude de movimento articular; Exercícios de alongamento muscular.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf epdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons