SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.16 issue1Strategies for teaching postural habits to children: comic strips vs. practical experienceMechanical property analysis of the gastrocnemius muscle of rats immobilized and submitted to the russian current author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Article

Indicators

Related links

  • On index processCited by Google
  • Have no similar articlesSimilars in SciELO
  • On index processSimilars in Google

Share


Fisioterapia e Pesquisa

Print version ISSN 1809-2950

Abstract

LOPES, Andrei Guilherme; RAZUK, Milena  and  BARELA, José Angelo. Efeitos da manipulação do estímulo visual e da intenção na oscilação postural de idosas. Fisioter. Pesqui. [online]. 2009, vol.16, n.1, pp. 52-58. ISSN 1809-2950.  http://dx.doi.org/10.1590/S1809-29502009000100010.

Este estudo investigou a influência de características do estímulo visual e o efeito da intenção nas respostas do controle postural frente à manipulação visual de adultas idosas. As 20 participantes permaneceram em pé em uma sala móvel durante sete tentativas com duração de 1 minuto cada, olhando para um alvo fixo, medindo-se sua oscilação corporal. Na primeira tentativa não houve qualquer movimento da sala, porém a partir da segunda a sala foi movimentada no sentido ântero-posterior. Para dez participantes, a velocidade de pico da movimentação foi de 0,6 cm/s e, para as demais, de 1,0 cm/s. A partir da quinta tentativa, as participantes foram informadas do movimento da sala e orientadas a resistir à movimentação. Os resultados indicam que a oscilação corporal das idosas é induzida pelo movimento da sala móvel. Intenção e alteração da característica do estímulo visual reduzem a influência da informação visual na oscilação corporal, mas a manipulação de propriedade do estímulo (neste caso, velocidade), é menos efetiva que a intenção. Essa maior dependência da intenção para alterar a influência de um estímulo sensorial no controle postural indica que o funcionamento do sistema de controle postural em idosos não possibilita ajustes "automáticos" de respostas posturais frente a pequenas variações das condições ambientais. Iinformações sobre tais variações podem ser direcionadas de forma a compensar essa diferença.

Keywords : Idoso; Mulheres; Percepção visual; Postura.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese