SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.21 número4Impacto das condições clínicas e funcionais na qualidade de vida de idosas com obesidadeEficacia del soporte ventilatorio no invasivo en el incremento de la tolerancia al ejercicio en pacientes con insuficiencia cardíaca: una revisión sistemática índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Fisioterapia e Pesquisa

versão impressa ISSN 1809-2950

Resumo

TRIZE, Débora de Melo et al. Factores asociados a la capacidad funcional de ancianos registrados en la Estrategia Salud de la FamiliaFatores associados à capacidade funcional de idosos cadastrados na Estratégia Saúde da Família. Fisioter. Pesqui. [online]. 2014, vol.21, n.4, pp.378-383. ISSN 1809-2950.  http://dx.doi.org/10.590/1809-2950/13223421042014.

O objetivo deste estudo foi verificar o nível de capacidade funcional em indivíduos de 60 anos ou mais da Estratégia Saúde da Família "Vila São Paulo", em Bauru, São Paulo, e sua associação com as variáveis sociodemográficas, comportamentais, ergonômicas e de saúde referidas. Realizou-se um estudo transversal com 363 idosos amostrados no local da análise, pela técnica de conglomerado em dois estágios, entrevistados nos domicílios pelo instrumento multidimensional (sóciodemográficos, comportamentais, ergonômicas e de saúde referida); pelo questionário Nórdico e pelas escalas de Katz e Lawton. Análises descritiva, bivariada e multivariada por regressão logística foram utilizadas. Notou-se que 36,9% dos idosos eram dependentes nas atividades de vida diária e 51,0% nas atividades instrumentais de vida diária; a incapacidade funcional para as atividades de vida diária foi associada à faixa etária, aos movimentos repetitivos, ao sedentarismo, ao número de doenças referidas e à dor musculoesquelética, enquanto que anos de estudo, movimentos repetitivos, número de doenças referidas e sedentarismo mostraram associação com a diminuição das atividades instrumentais de vida diária. As características identificadas que se relacionaram à incapacidade para as atividades de vida diária e instrumentais de vida diária sugerem uma complexa rede causal, sendo necessárias ações preventivas especificamente voltadas para certos fatores, propiciando benefícios à qualidade de vida dos idosos.

Palavras-chave : Envelhecimento; Saúde do Idoso; Fatores de Risco.

        · resumo em Inglês | Espanhol     · texto em Português | Inglês     · Português ( pdf ) | Inglês ( pdf )