SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.10 número1Anthropology in the museum reflections on the curatorship of the Xikrin CollectionOrigin narratives, transformation routes: heritage, knowledge and (a)symmetries on the Uaupés river índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Vibrant: Virtual Brazilian Anthropology

versão On-line ISSN 1809-4341

Resumo

GOLDSTEIN, Ilana Seltzer. Visible art, invisible artists? the incorporation of aboriginal objects and knowledge in Australian museums. Vibrant, Virtual Braz. Anthr. [online]. 2013, vol.10, n.1, pp.469-493. ISSN 1809-4341.  http://dx.doi.org/10.1590/S1809-43412013000100019.

A pujança criativa e a valorização econômica da arte indígena australiana surpreendem os estrangeiros que dela se aproximam. Desde os anos 1970, vem se constituindo, na Austrália, um sistema que compreende cooperativas de artistas, políticas de fomento e galerias comerciais. O foco do presente artigo recai sobre um aspecto particular desse sistema: a gradual incorporação de objetos e conhecimentos aborígines pelos museus. Com base na bibliografia existente e em pesquisa de campo realizada em 2010, apresentarei exemplos concretos e discutirei o paradoxo da onipresença da arte aborígine no espaço público australiano. Afinal, trata-se de um país que, no século XIX, permitia atirar em qualquer aborígine próximo a uma residência de brancos e que, até os anos 1970, removia crianças indígenas, para que fossem criadas por freiras ou adotadas por brancos. Até hoje, o mesmo público que se deleita com pinturas indígenas em museus de Sydney ou Melbourne tem pouco contato com pessoas de ascendência indígena.

Palavras-chave : Arte aborígene australiana; arte indígena; antropologia e museus; artificação.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons