SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.16 issue3Auditory middle latency response in children with learning difficultiesProposed computerized protocol for epidemiological study of patients undergoing microsurgery of the larynx author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

International Archives of Otorhinolaryngology

Print version ISSN 1809-9777

Abstract

POCHAT, Victor Diniz de et al. Avaliação da patência nasal após rinoplastia através do espelho de Glatzel. Int. Arch. Otorhinolaryngol. [online]. 2012, vol.16, n.3, pp. 341-345. ISSN 1809-9777.  http://dx.doi.org/10.7162/S1809-97772012000300007.

INTRODUÇÃO: O espelho de Glatzel modificado é capaz de avaliar o fluxo nasal expiratório; entretanto, há pouca informação sobre esse método e sua utilização na mensuração objetiva da patência nasal após procedimentos cirúrgicos. OBJETIVO: Comparar, através de estudo prospectivo, os resultados funcionais antes e depois de uma rinoplastia e avaliar a utilização do espelho de Glatzel como método objetivo na avaliação da patência nasal. Para esse fim, analisamos os resultados funcionais da cirurgia mediante questionário subjetivo e medidas objetivas através do espelho de Glatzel, e avaliamos a correlação entre os dois métodos. MÉTODO: Vinte pacientes (14 mulheres e 6 homens) foram submetidos à rinoplastia estética com uso de enxertos expansores. Avaliação pré e pós-operatória (90 a 120 dias) incluíram um escore de qualidade respiratória (subjetiva) e o teste do espelho de Glatzel modificado (objetiva). O teste de Spearman foi utilizado para comparar os dados subjetivos e objetivos. RESULTADOS: A avaliação subjetiva demonstrou diferença estatística (antes da cirurgia, 8 ± 2; após cirurgia, 9.4 ± 0.7; P < .001). Não houve diferença estatística nas médias da patência nasal mediante espelho de Glatzel. Não houve correlação estatisticamente significante quando comparados os valores do espelho de Glatzel com os escores referidos pelos pacientes durante avaliação subjetiva, seja no pré ou pós-operatório. CONCLUSÃO: O método de Glatzel não demonstrou significância estatística, em contraste com a avaliação subjetiva, que demonstrou melhora significativa na qualidade respiratória, sugerindo que o método de Glatzel não possui sensibilidade na detecção de pequenas mudanças anatômicas da cavidade nasal.

Keywords : rinoplastia; respiração; taxa respiratória; avaliação.

        · abstract in English     · text in English | Portuguese     · pdf in English | Portuguese