SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.14 issue3Detection of protein BCL2/JH rearrangement in epidermoid carcinomas of mouth and pharynxTemporal resolution abilities in musicians and no musicians violinists author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Arquivos Internacionais de Otorrinolaringologia

On-line version ISSN 1809-4856

Abstract

BALLIN, Annelyse Cristine et al. Avaliação sistematizada da dificuldade de exposição das pregas vocais na microcirurgia da laringe. Arquivos Int. Otorrinolaringol. (Impr.) [online]. 2010, vol.14, n.3, pp.294-301. ISSN 1809-4856.  https://doi.org/10.1590/S1809-48722010000300005.

INTRODUÇÃO: Diversos estudos abordam fatores pré-operatórios que predizem dificuldade de intubação endotraqueal, graduada pelos anestesistas pela escala de Cormack-Lehane. Estes parâmetros foram pouco avaliados para a dificuldade de locação do laringoscópio nas microcirurgias da laringe. Não há uma escala padrão de dificuldade direcionada aos cirurgiões de laringe. OBJETIVO: Criar uma escala padrão de dificuldade de locação do laringoscópio durante microcirurgia da laringe, com foco na exposição das pregas vocais (PPVV); avaliar quais parâmetros clínicos predizem dificuldade de exposição das PPVV; verificar a melhora da exposição laríngea com o suspensor do laringoscópio. MÉTODO: Estudo prospectivo, randomizado, de 57 pacientes submetidos à microcirurgia de laringe. No pré-operatório foram avaliados: 3 dados epidemiológicos, 2 de anamnese e 13 de exame físico. No intra-operatório: o anestesista avaliava o escore de Cormack-Lehane e o cirurgião avaliava conforme a escala proposta, antes e após a colocação do suspensor. RESULTADOS E CONCLUSÃO:Vários parâmetros apresentaram sensibilidade, especificidade, valor preditivo positivo altos para exposição inadequada da laringe. Porém, apenas distância hiomentual <6,05cm (p=0,003) e classe 2 de Cormack-Lehane (p=0,04) com significância estatística e alta sensibilidade, 100% e 81% respectivamente. O uso do suspensor do laringoscópio melhorou a exposição laríngea de forma significativa (p=0,04). A escala proposta padroniza a vizualização e gradua a dificuldade de exposição das PPVV, facilitando comparações entre estudos e comunicação entre otorrinolaringologistas.

Keywords : laringe; intubação; laringoscópios; microcirurgia; pregas vocais; repertório: seção laringe e traqueia.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License