SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.16 número1Fratura de osso temporal em pacientes com traumatismo crânio-encefálicoAvaliação da qualidade de vida em pacientes respiradores orais índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Arquivos Internacionais de Otorrinolaringologia

versão On-line ISSN 1809-4856

Resumo

GUIDA, Heraldo Lorena; SOUSA, Ariane Laís de  e  CARDOSO, Ana Cláudia Vieira. Relação entre os achados da avaliação audiométrica e das emissões otoacústicas em policiais militares. Arquivos Int. Otorrinolaringol. [online]. 2012, vol.16, n.1, pp.67-73. ISSN 1809-4856.  http://dx.doi.org/10.7162/S1809-48722012000100010.

INTRODUÇÃO: As emissões otoacústicas podem ser uma alternativa para avaliação coclear na perda auditiva induzida por ruído (PAIR). OBJETIVO: verificar a correlação entre os achados da audiometria tonal e os resultados das emissões otoacústicas produto de distorção (EOAPD) em policiais militares. MÉTODO: a partir de estudo transversal e retrospectivo, 200 policiais militares foram submetidos à avaliação audiológica - audiometria tonal liminar e EOAPD. RESULTADOS: considerando o disposto na Portaria 19 do Ministério do Trabalho, os resultados foram sugestivos de perda auditiva induzida por níveis de pressão sonora elevados em 58 indivíduos, distribuídos da seguinte forma: 28 (48,3%) casos bilaterais e 30 (51,7%) casos unilaterais, sendo 15 (25,85%) em cada orelha. A análise de correlação entre a audiometria e as EOAPD, demonstrou significância estatística na maior parte das frequências testadas, em ambas as orelhas, confirmando que quanto maior o grau de perda auditiva, menor a amplitude das EOAPD. Além disso, foi observada existência de diferença significativa das amplitudes das EOAPD entre indivíduos normo ouvintes e portadores de perda auditiva, confirmando o rebaixamento das respostas no grupo com perda da audição. CONCLUSÃO: considerando que houve correlação entre a audiometria e o teste de EOAPD, concluímos que as emissões otoacústicas podem ser uma ferramenta complementar, para a detecção e controle de PAIR em policias militares.

Palavras-chave : avaliação; audiometria; polícia; militares.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons