SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.21 issue6Analysis of the sexual behavior of elderly women treated at a gynecological outpatient clinicThe perception of family caregivers regarding the changes that occur after the diagnosis of dementia author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista Brasileira de Geriatria e Gerontologia

Print version ISSN 1809-9823On-line version ISSN 1981-2256

Abstract

DOURADO, Daiana Aparecida Quintiliano Scarpelli; MARUCCI, Maria de Fátima Nunes; ROEDIGER, Manuela de Almeida  and  DUARTE, Yeda Aparecida de Oliveira. Padrões alimentares de indivíduos idosos do município de São Paulo: evidências do estudo SABE (Saúde, Bem-estar e Envelhecimento). Rev. bras. geriatr. gerontol. [online]. 2018, vol.21, n.6, pp.731-742. ISSN 1981-2256.  https://doi.org/10.1590/1981-22562018021.180092.

Objetivo:

determinar os padrões alimentares da população idosa, considerando aspectos sociodemográficos, de estilo de vida e clínicos.

Método:

foi realizada uma análise transversal nas coortes do Estudo SABE (Saúde, Bem-estar e Envelhecimento). Estudo de caráter epidemiológico, de base domiciliar, representativo do município de São Paulo. A população deste estudo incluiu 1.304 idosos (≥60 anos), de ambos os sexos, selecionados por amostragem probabilística estratificada, entrevistados em 2010. Os dados sobre alimentação foram obtidos por meio de questionário de frequência alimentar qualitativo. Os padrões alimentares foram determinados pela análise fatorial exploratória por componentes principais. Foram utilizados Teste de Wald para amostragem complexa.

Resultados:

quatro padrões alimentares foram identificados: padrão inadequado, composto por: frituras, embutidos, enlatados, doces, tubérculos, temperos e molhos industrializados e ovos; padrão modificado: laticínios desnatados, cereais e pães integrais e alimentos light/diet/zero; padrão benéfico: frutas, verduras e legumes e tubérculos; e padrão tradicional brasileiro: óleos vegetais, arroz, cereais refinados e pão branco, carnes e leguminosas. O perfil sociodemográfico e de estilo de vida dos idosos que adotam cada padrão alimentar é distinto.

Conclusão:

os padrões alimentares compostos por alimentos saudáveis estiveram associados ao sexo feminino, idosos com mais de 2 doenças crônicas, mais longevos, com maior escolaridade, melhor estilo de vida e autopercepção de saúde. Importante considerar estes aspectos, pois são determinantes no tipo de dieta adotado por esta população.

Keywords : Saúde do Idoso; Dieta; Análise Fatorial; Condições Sociais; Estilo de Vida.

        · abstract in English     · text in English | Portuguese     · English ( pdf ) | Portuguese ( pdf )