SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.14 número1Indicadores cardiovasculares em repouso e durante um teste incremental em jovens do sexo masculinoEfeito de diferentes frequências semanais de treinamento sobre parâmetros de estresse oxidativo índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Revista Brasileira de Cineantropometria & Desempenho Humano

versão On-line ISSN 1980-0037

Resumo

PUPO, Juliano Dal; DETANICO, Daniele  e  SANTOS, Saray Giovana dos. Parâmetros cinéticos determinantes do desempenho nos saltos verticais. Rev. bras. cineantropom. desempenho hum. [online]. 2012, vol.14, n.1, pp. 41-51. ISSN 1980-0037.  http://dx.doi.org/10.5007/1980-0037.2012v14n1p41.

Este estudo objetivou identificar parâmetros de força e velocidade relacionados com o desempenho nos saltos verticais (SV) Counter Movement Jump (CMJ) e Squat Jump (SJ); comparar estes parâmetros entre corredores velocistas e voleibolistas. Participaram 24 atletas do sexo masculino (12 velocistas de nível estadual/nacional e 12 voleibolistas de nível nacional). Os atletas realizaram os SV CMJ e SJ sobre uma plataforma de força, sendo analisadas variáveis de desempenho (altura do salto e potência), pico de velocidade (PV), força máxima (Fmax) absoluta e relativa, taxa de desenvolvimento de força (TDF) e tempo para atingir a força máxima (TFmax). No CMJ, a altura correlacionou-se com o PV (r=0,97) e com a Fmax normalizada (r=0,47), enquanto que a potência relacionou-se com todas as variáveis, exceto com a Fmax absoluta (r=0,12). No SJ, o PV e a Fmax normalizada correlacionaram-se com a altura obtida (r=0,95; r=0,51, respectivamente) e com a potência (r=0,80; r=0,87, respectivamente). Além disso, a TFmax também correlacionou-se com a potência (r=-0,49). Os velocistas apresentaram valores superiores nas variáveis de desempenho do salto (altura e potência), na Fmax e no PV, tanto no SJ como CMJ. Conclui-se que o pico de velocidade e a força máxima normalizada foram os principais determinantes da altura e da potência obtida em ambos os SV. Contudo, a força explosiva (TDF e TFmax) também mostrou-se importante na produção de potência nos SV. Por fim, os velocistas apresentaram melhor desempenho nos SV em relação às voleibolistas.

Palavras-chave : Força; Potência; Performance.

        · resumo em Inglês     · texto em Português | Inglês     · pdf em Português | Inglês