SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.18 issue2Agreement analysis between critical power and intensity corresponding to 50% ∆ in cycling exerciseAssociation between Physical Education program in school and the practice team sports during university author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista Brasileira de Cineantropometria & Desempenho Humano

Print version ISSN 1415-8426On-line version ISSN 1980-0037

Abstract

BARBOSA FILHO, Valter Cordeiro et al. Validade e fidedignidade de escalas sobre fatores intrapessoais, interpessoais e ambientais associados à atividade física em escolares brasileiros do ensino fundamental. Rev. bras. cineantropom. desempenho hum. [online]. 2016, vol.18, n.2, pp.207-221. ISSN 1415-8426.  https://doi.org/10.5007/1980-0037.2016v18n2p207.

Este estudo analisou a validade e a fidedignidade de escalas de fatores intrapessoais, interpessoais e ambientais associados à atividade física (AF) em escolares do ensino fundamental. Estudos transversais incluíram escolares dos 7º ao 9º anos para análises de validade e consistência interna (n=1.178, 51,4% meninos), e reprodutibilidade teste-reteste (n=194, 56,2% meninos) do instrumento. Atitude, autoeficácia, apoio social dos amigos, pais e professores da escola, e o ambiente percebido do bairro e da escola relacionados à AF foram avaliados. A análise fatorial confirmatória e a correlação de Spearman entre os escores das escalas e o tempo semanal em AF moderada a vigorosa foram aplicadas para testar a validade de constructo das escalas. Utilizou-se o α de Cronbach e o índice de fidedignidade combinada (IFC) para avaliar a consistência interna, e o coeficiente de correlação intra-classe (CCI) para a reprodutibilidade teste-reteste. A análise fatorial confirmatória indicou cinco escalas unidimensionais e duas bi-dimensionais (autoeficácia e ambiente percebido para AF), com ajustes de modelo adequados e cargas fatoriais de 0.46 a 0.85. Houve correlações significativas entre os escores de quase todas as escalas e AF moderada a vigorosa (p<0,05). O a e o IFC foram maiores de 0.70 em quase todas as escalas (exceto ambiente percebido da escola, a e IFC de 0.61) e o CCI variou de 0.62 (apoio social dos pais para AF) a 0.70 (autoeficácia para AF). Em conclusão, as escalas apresentaram validade e fidedignidade aceitáveis e pode ser utilizado na mensuração de fatores associados à AF em escolares do ensino fundamental.

Keywords : Atividade motora; Fatores psicossociais; Reprodutibilidade dos testes; Psicometria; Validade de testes.

        · abstract in English     · text in English     · English ( pdf )