SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.17 número4ALTURA DO IPÊ-ROXO ( Tabebuia avellanedae ) NOS MANEJOS CONVENCIONAL E DE PRECISÃO, ANALISADA PELA GEOESTATÍSTICA índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Ciência Florestal

versão impressa ISSN 0103-9954versão On-line ISSN 1980-5098

Resumo

GRAVE, Fernanda; FRANCO, Elcí Terezinha Henz; PACHECO, Jardel Pizzatto  e  SANTOS, Sidney Rodrigues. CRESCIMENTO DE PLANTAS JOVENS DE AÇOITA-CAVALO EM QUATRO DIFERENTES SUBSTRATOS. Ciênc. Florest. [online]. 2007, vol.17, n.4, pp.289-298. ISSN 1980-5098.  http://dx.doi.org/10.5902/198050981961.

A espécie Luehea divaricata Mart. & Zucc., da família Malvaceae, possui madeira de alta qualidade, que tem sido empregada principalmente na confecção de móveis vergados, razão pela qual se encontra atualmente dizimada. A reposição em matas remanescentes bem como a sua utilização em projetos de reflorestamento necessitam da produção de mudas em larga escala. O objetivo deste estudo foi avaliar o crescimento de plântulas de Luehea divaricata obtidas por semente, cultivadas em quatro substratos. Foram colocadas quatro sementes por tubete nos substratos Plant Max®, turfa, casca de arroz carbonizada e Mec Plant®. Aos 25 dias após a semeadura, foi efetuada a repicagem das mudas dentro de cada tratamento e, aos 50 dias, foi efetuado o desbaste. Avaliaram-se: percentagem de germinação das sementes, massa seca das raízes (g), massa seca da parte aérea (g), diâmetro do colo (cm), altura da parte aérea (cm) e número médio de folhas. O delineamento adotado foi o inteiramente casualizado, os dados foram submetidos à análise da variância, e as médias comparadas ao teste de Duncan. As plantas cultivadas no substrato Plant Max® apresentaram quatro vezes mais massa seca das raízes e da parte aérea aos 180 dias. O crescimento das plântulas em turfa e casca de arroz foi menor em todos os parâmetros analisados. A propagação de Luehea divaricata a partir de sementes é tecnicamente viável nos substratos Plant Max® e Mec Plant®, os quais proporcionaram maior crescimento e qualidade às mudas.

Palavras-chave : sementes; mudas; crescimento; substrato.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )