SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.22 issue2EARLY SELECTION OF Pinus radiata PROGENIES TO Sphaeropsis sapineaSOIL ORGANIC CARBON QUALITY IN DIFFERENT FOREST RESIDUE MANAGEMENT author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Ciência Florestal

Print version ISSN 0103-9954On-line version ISSN 1980-5098

Abstract

MARTINS, Cibele Chalita; SILVA, José Diego Rodrigues da; PEREIRA, Maria Renata Rocha  and  OLIVEIRA, Silvia Sanielle Costa de. EFEITO DO SOMBREAMENTO E DO SUBSTRATO SOBRE A GERMINAÇÃO E O CRESCIMENTO DE PLÂNTULAS DE Acacia mangium E Acacia mearnsii. Ciênc. Florest. [online]. 2012, vol.22, n.2, pp.283-293. ISSN 0103-9954.  http://dx.doi.org/10.5902/198050985735.

A germinação rápida e uniforme das sementes, seguida por pronta emergência das plântulas, são características altamente desejáveis na formação de mudas. Estudos com a finalidade de viabilizar a utilização de resíduos orgânicos como o lodo de esgoto e a casca de pinus na cadeia produtiva representam uma demanda atual. O objetivo deste trabalho foi identificar condições de sombreamento e substrato favoráveis ao processo de germinação das sementes e crescimento de plântulas de Acacia mangium e Acacia mearnsii. Após a superação da dormência, por imersão em água quente, as sementes foram semeadas em três tipos de substratos: substrato comercial Plantmax florestal (testemunha), casca de pinus e mistura de casca de pinus com biossólido (1:1). Os tubetes foram colocados em viveiro, sob duas condições de sombreamento: 50% e 30%, e a pleno sol (0%), como testemunha. Os parâmetros avaliados foram: velocidade e porcentagem de germinação (diariamente, até 30 dias) e comprimento da parte aérea de plântulas (semanalmente, de 75 a 150 dias). O delineamento experimental utilizado foi o inteiramente casualizado com os tratamentos dispostos em um fatorial 3 x 3, os resultados foram submetidos à análise de regressão e teste T. Maiores porcentagens de germinação foram obtidas na semeadura de Acacia mangium em casca de pinus sob 30% de sombreamento, e substrato comercial sob 30 e 50% de sombreamento e para Acacia mearnsii em casca de pinus sob 50% de sombreamento, ou substrato comercial a pleno sol. Para ambas as espécies, as plântulas cresceram mais rapidamente e atingiram maior tamanho final no substrato casca de pinus com biossólido e em qualquer condição de sombreamento (30 e 50 %) e a pleno sol, antecipando a produção de mudas.

Keywords : espécie florestal; casca de pinus; sementes; lodo de esgoto.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )