SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.24 número1ESTOQUE DE CARBONO NO SOLO SOB DIFERENTES FORMAÇÕES FLORESTAIS, CHAPECÓ - SCATIVIDADE ALELOPÁTICA DE Araucaria angustifolia (Bertol.) Kuntze NA GERMINAÇÃO E CRESCIMENTO INICIAL DE Lactuca sativa L. índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Ciência Florestal

versão impressa ISSN 0103-9954versão On-line ISSN 1980-5098

Resumo

SOUZA, Juliana Sobreira de et al. PRODUTIVIDADE DE MINICEPAS DE CEDRO AUSTRALIANO E REMOÇÃO DE NUTRIENTES PELA COLETA SUCESSIVA DE MINIESTACAS. Ciênc. Florest. [online]. 2014, vol.24, n.1, pp.71-77. ISSN 1980-5098.  https://doi.org/10.5902/1980509813324.

O manejo de minicepas para produção de miniestacas resulta na remoção contínua de nutrientes, sendo indispensável sua reposição para evitar o esgotamento e queda na produção. Assim, é necessário determinar a quantidade de nutrientes removidos no tempo, em diferentes modelos de manejo, para viabilizar a produção comercial. O objetivo deste trabalho foi avaliar dois sistemas de minijardim multiclonal de Toona ciliata, conduzidos em tubete e canaletão, quanto à produtividade e remoção de nutrientes ao longo do tempo pelas minicepas, produzidas por via seminal, submetidas a coletas sucessivas de miniestacas. Foram utilizadas 186 mudas em cada sistema de manejo. Foram determinados os conteúdos de nutrientes nas brotações emitidas por 20 minicepas selecionadas ao acaso em cada sistema. Foram realizadas cinco coletas de brotações em intervalos médios de 32 dias no sistema canaletão, enquanto no sistema tubete foram realizadas três coletas de brotações em intervalos médios de 31 dias. Os dados foram analisados por amostragem simples ao acaso considerando uma população infinita de miniestacas. As médias dos tratamentos qualitativos foram comparadas por intervalo de confiança, utilizando o teste "t" de Student, a 5% de probabilidade, e os tratamentos quantitativos (produtividade e nutrientes removidos no tempo pelas minicepas) por regressão. Foi constatado que a produtividade e o conteúdo de nutrientes removidos pelas minicepas manejadas em canaletão foram superiores à dos tubetes. O nitrogênio e o potássio foram os nutrientes mais removidos pelas minicepas em ambos os sistemas de manejo. São apresentadas as equações que descrevem as quantidades removidas ao longo do tempo nos dois sistemas.

Palavras-chave : Toona ciliata; minijardim multiclonal; produção de mudas.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )