SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.24 issue2HEALTH AND PHYSIOLOGICAL QUALITY OF AROEIRA-PRETA (Lithraea molleoides) SEEDS EXPOSED TO METHODS OF OVERCOMING DORMANCYPHYTOSOCIOLOGICAL AND CARBON STOCK ANALYSIS IN THE TREE LAYER OF A SEMIDECIDUOUS FOREST FRAGMENT author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Ciência Florestal

Print version ISSN 0103-9954On-line version ISSN 1980-5098

Abstract

OLIVEIRA, Felipe Pinho de; SOUZA, Agostinho Lopes de  and  FERNANDES FILHO, Elpídio Inácio. CARACTERIZAÇÃO DA MONODOMINÂNCIA DE AROEIRA ( Myracrodruon urundeuva Fr. All.) NO MUNICÍPIO DE TUMIRITINGA - MG. Ciênc. Florest. [online]. 2014, vol.24, n.2, pp.299-311. ISSN 0103-9954.  https://doi.org/10.5902/1980509814568.

A espécie florestal Myracrodruon urundeuva Fr. All. é reconhecida cientificamente pelo conjunto de características ecológicas e utilitárias que a caracterizam como espécie "nobre" da flora brasileira. Embora a espécie figure desde 1992 até o presente na lista de espécies da flora brasileira ameaçadas de extinção, a mesma manifesta comportamento monodominante em algumas regiões do estado de Minas Gerais, sobretudo na região do médio Rio Doce. Diversos estudos são conduzidos no intuito de descrever e compreender florestas tropicais monodominadas, no entanto, ainda são poucas as informações que esclarecem a estrutura de fragmentos florestais monodominados por Myracrodruon urundeuva. Neste contexto, o presente estudo teve por objetivos: a) caracterizar através de parâmetros florísticos, fitossociológicos e paramétricos a monodominância de Myracrodruon urundeuva no município de Tumiritinga-MG; b) estimar os estoques de biomassa e carbono aéreos nestes sistemas; c) caracterizar o estágio de regeneração de fragmentos florestais monodominados por aroeira em Tumiritinga-MG, com base na resolução 392 do CONAMA; d) avaliar a existência de correlação entre cobertura de copa e estágio de regeneração em fragmentos monodominados por aroeira. Foram amostradas de forma aleatória 16 parcelas de 400 m² em todo o município de Tumiritinga, representando 6.400 m² de "aroeirais". A análise de diversidade dos fragmentos monodominados estudados apresentou índice de Shannon-Weaver igual a 0,25. Myracrodruon urundeuva representou 96% dos 678 fustes amostrados, 96% da área basal total mensurada e 96% do volume total estimado nas parcelas de inventário. Além da espécie Myracrodruon urundeuva, o estudo de florística apresentou somente outras 10 espécies florestais representadas por 7 famílias botânicas. As estimativas de biomassa alcançaram valores médios de 81 m3.ha-1 de volume de madeira, 62,8 Mg B.ha-1, 35,2 Mg C.ha-1 e 129,1 Mg CO2.ha-1. Os povoamentos monodominados por aroeira em Tumiritinga foram caracterizados de acordo com a resolução CONAMA 392 e com a análise de cobertura de copa como em estágio médio de regeneração. A aroeira encontra-se em monodominância na região do médio Rio Doce e se faz necessária a realização de estudos visando ao manejo sustentável destas florestas.

Keywords : monodominância; inventário florestal; estoque de carbono.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )