SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.24 issue2EFFECT OF AGE AND CLONE ON THE QUALITY OF Eucalyptus spp WOOD AIMING BIOENERGY PRODUCTIONEVALUATION OF WOOD WASTE OF ONE SAWMILL TO KRAFT PULP PRODUCTION author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Ciência Florestal

Print version ISSN 0103-9954On-line version ISSN 1980-5098

Abstract

CARVALHO, Amélia Guimarães; LELIS, Roberto Carlos Costa  and  NASCIMENTO, Alexandre Miguel do. AVALIAÇÃO DE ADESIVOS À BASE DE TANINOS DE Pinus caribaea var. bahamensis E DE Acacia mearnsii NA FABRICAÇÃO DE PAINÉIS AGLOMERADOS. Ciênc. Florest. [online]. 2014, vol.24, n.2, pp.479-489. ISSN 0103-9954.  https://doi.org/10.5902/1980509814588.

Este trabalho teve por objetivo avaliar os métodos para a extração dos taninos da casca do Pinus caribaea var. bahamensis, assim como verificar a viabilidade técnica de utilização dos taninos da casca de Pinus caribaea var. bahamensis, de Acacia mearnsii, de misturas de taninos de acácia negra e pinus e de misturas do adesivo ureia-formaldeído (UF) com taninos de acácia e pinus na produção de adesivos para aglomerados. As cascas de Pinus caribaea var. bahamensis foram fragmentadas em moinho de martelo, peneiradas, extraídas sob refluxo, por 2 horas, utilizada uma relação casca:licor de 1:15 p:v, em nove tratamentos. A melhor forma de extração foi utilizada para obtenção de grandes quantidades de extratos, que foram utilizados na confecção de adesivos tânicos e nas misturas com adesivo UF e com taninos comerciais de acácia negra na fabricação de painéis aglomerados. A adição de sulfito de sódio proporcionou maior extração de taninos, sendo recomendável a extração com adição de 5% de sulfito de sódio. Os resultados mostraram que tanto os taninos de acácia, quanto os de Pinus caribaea var. bahamensis, apresentam boas propriedades de colagem. É possível a adição de solução tânica de pinus à solução tânica de acácia e também substituir parte do adesivo UF pelos taninos de acácia em até 25% sem comprometer a qualidade da colagem. A substituição de 10% de UF por extrato tânico, tanto de pinus quanto de acácia, não alterou os valores de inchamento em espessura (IE) dos painéis. É possível obter boas propriedades mecânicas com adesivos UF modificados com extratos tânicos na proporção de 10%. Os altos valores encontrados para ligação interna (LI) dos painéis fabricados com extratos tânicos evidenciaram o potencial desses taninos para colagem de painéis de madeira.

Keywords : polifenóis; extrativos; colagem; painéis de partículas de média densidade.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )