SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.26 issue1DENDROMETRIC AND CHEMICAL TRAITS AND BASIC DENSITY WOOD OF Eucalyptus grandis X Eucalyptus urophylla HYBRIDSTHE 15N NATURAL ABUNDANCE AND NITROGEN FORMS IN ULTISOL CULTIVATED WITH EUCALYPTUS AND ACACIA author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Ciência Florestal

Print version ISSN 0103-9954On-line version ISSN 1980-5098

Abstract

GOMES, Juliano Pereira; OLIVEIRA, Luciana Magda de; FERREIRA, Paula Iaschitzki  and  BATISTA, Felipe. SUBSTRATOS E TEMPERATURAS PARA TESTE DE GERMINAÇÃO EM SEMENTES DE MYRTACEAE. Ciênc. Florest. [online]. 2016, vol.26, n.1, pp.285-293. ISSN 0103-9954.  http://dx.doi.org/10.5902/1980509821120.

As espécies brasileiras de Myrtaceae compreendem diversas plantas arbóreas e arbustivas que podem ser utilizadas na produção de frutos para consumo in natura ou para industrialização. Informações sobre avaliação da qualidade de sementes dessas espécies não estão bem definidas, principalmente as relacionadas à adequação do teste de germinação. Objetivou-se testar substratos e temperaturas para realização do teste de germinação em sementes de Acca sellowiana (O. Berg) Burret. (goiaba-serrana), Campomanesia xanthocarpa O. Berg (guabiroba), Eugenia involucrata DC. (cereja-do-mato) e Eugenia pyriformis Camb. (uvaia). Sementes de diferentes procedências foram submetidas ao teste de germinação em substratos areia e rolo de papel tipo germitest, umedecidos com água destilada, e nas temperaturas 15 °C, 25 °C, 30 °C, 35 °C e 20-30 °C, sob luz constante, em germinadores tipo BOD. O delineamento experimental utilizado foi o inteiramente casualizado com quatro repetições de 25 sementes/tratamento/lote/espécie, e as médias dos tratamentos foram comparadas pelo teste de Tukey (P < 0,01). O teste de germinação pode ser conduzido na temperatura de 25 ºC e em substrato rolo de papel para Eugenia involucrata e Eugenia pyriformis. Ambos os substratos podem ser utilizados para o teste de germinação de Acca sellowiana, a 25 ºC. A temperatura de 25 ºC e alternância de 20-30 ºC são indicadas para Campomanesia xanthocarpa, assim como, os substratos areia e rolo de papel.

Keywords : Acca sellowiana; Campomanesia xanthocarpa; Eugenia involucrata; Eugenia pyriformis.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )