SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.26 issue2INTERFERENCE OF DOSES OF COPPER ON GROWTH AND QUALITY OF Bauhinia forficata Link, Pterogyne nitens Tul AND Enterolobium contortisiliquum Vell. SEEDLINGSRESISTANCE OF THERMALLY MODIFIED Eucalyptus grandis W. Hill ex Maiden WOOD TO DETERIORATION BY DRY-WOOD TERMITES ( Cryptotermes sp.) author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Ciência Florestal

Print version ISSN 0103-9954On-line version ISSN 1980-5098

Abstract

SANTOS, Rosimeire Cavalcante dos et al. INFLUÊNCIA DAS PROPRIEDADES QUÍMICAS E DA RELAÇÃO SIRINGIL/GUAIACIL DA MADEIRA DE EUCALIPTO NA PRODUÇÃO DE CARVÃO VEGETAL. Ciênc. Florest. [online]. 2016, vol.26, n.2, pp.657-669. ISSN 0103-9954.  http://dx.doi.org/10.5902/1980509822765.

O trabalho teve como objetivo determinar a influência das propriedades químicas (composição elementar, teores de extrativos totais, lignina total e holocelulose) e relação siringil/guaiacil, da madeira de diferentes materiais genéticos de eucalipto na produção de carvão vegetal. Utilizaram-se na pesquisa quatro clones híbridos de Eucalyptus, aos 7 anos de idade, sendo 6 árvores por clone, totalizando 24 unidades amostrais. Houve diferença significativa, a 5% de significância, entre os tratamentos para a composição elementar, teores de extrativos totais, lignina total e holocelulose e relação siringil/guaiacil da madeira, como também, para os rendimentos gravimétricos em carvão vegetal, em gases condensáveis e em gases não condensáveis, teores de carbono fixo e de materiais voláteis e para o poder calorífico superior do carvão vegetal. Para o teor de cinzas e densidade relativa aparente do carvão não foram observadas diferenças significativas ao mesmo nível de significância. Concluiu-se que existe variabilidade na qualidade da madeira dos quatro materiais genéticos avaliados, tendo, os mesmos, correlações distintas, tanto no rendimento quanto na qualidade do carvão vegetal. Todos os materiais genéticos apresentaram, de modo satisfatório, rendimento gravimétrico em carvão vegetal e qualidade. As madeiras dos clones com baixa relação siringil/guaiacil apresentaram aumento no rendimento em carvão vegetal. A composição química das madeiras dos quatro clones, de modo geral, não apresentou correlações significativas, a 5% de significância, no rendimento e qualidade do carvão.

Keywords : Relação siringil/guaiacil; propriedades químicas; carvão vegetal.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )