SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.27 issue3EFFECT OF COLOR OF ADHESIVE TRAPS IN THE MONITORING OF Thaumastocoris peregrinus CARPINTERO & DELLAPÉ (HEMIPTERA: THAUMASTOCORIDAE) IN FIELDFRUIT MORPHOTYPES AND SEEDLING MORPHOLOGY OF Attalea maripa (Aubl.) Mart. author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Ciência Florestal

Print version ISSN 0103-9954On-line version ISSN 1980-5098

Abstract

PFLEGER, Priscylla; CASSOL, Paulo Cezar  and  MAFRA, Álvaro Luiz. SUBSTÂNCIAS HÚMICAS EM CAMBISSOLO SOB VEGETAÇÃO NATURAL E PLANTIOS DE PINUS EM DIFERENTES IDADES. Ciênc. Florest. [online]. 2017, vol.27, n.3, pp.807-817. ISSN 0103-9954.  http://dx.doi.org/10.5902/1980509828631.

Devido à grande área ocupada com reflorestamentos de pinus no sul do Brasil, considera-se necessário avaliar o impacto dessa cultura no estoque de carbono orgânico do solo, especialmente com relação às frações das substâncias húmicas (SH). Nesse contexto, o presente trabalho teve como objetivo avaliar as alterações na quantidade e proporção das substâncias húmicas da matéria orgânica em solo representativo do Planalto Catarinense devido à substituição da vegetação natural por povoamentos de Pinus taeda. Foram avaliadas quatro situações de uso em áreas localizadas no município de Ponte Alta, sendo uma de campo natural (CN) e três plantios de Pinus taeda com idades de 5 (P05), 16 (P16) e 21 (P21) anos em segunda rotação, em solo classificado como Cambissolo Húmico distrófico. Amostras de solos compostas por sete sub amostras foram coletadas em sete pontos amostrais dentro de cada área nas camadas de 0-5 cm, 5-10 cm, 10-20 cm, 20-30 cm e 30-40 cm de profundidade. Os teores de carbono das SH da matéria orgânica do solo (MOS) foram determinados através de fracionamento químico resultante da solubilização em meios ácido e básico. Os teores e proporções das SH da MOS variaram significativamente em função da situação de uso e profundidade analisados, evidenciando maiores quantidades na camada superficial e seu aumento com a idade do pinus. Em geral, os maiores valores de C nas frações e camadas avaliadas foram observados no P21 e os menores no P05.

Keywords : fracionamento; ácidos húmicos; reflorestamento; sequestro de carbono.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )