SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.9 número3Cognitive performance and engagement in physical, social and intellectual activities in older adults: The FIBRA studyFUNÇÕES EXECUTIVAS COMO UM POTENCIAL ENDOFENÓTIPO NEUROCOGNITIVO NOS TRANSTORNOS DE ANSIEDADE: UMA REVISÃO SISTEMÁTICA DA LITERATURA CONSIDERANDO OS CRITÉRIOS DIAGNÓSTICOS DO DSM-IV E DO DSM-5 índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Dementia & Neuropsychologia

versão impressa ISSN 1980-5764

Resumo

SILVEIRA, Gabriela  e  MANSUR, Letícia Lessa. ANÁLISE DE NARRATIVAS PROTOTÍPICAS PRODUZIDAS POR INDIVÍDUOS AFÁSICOS E INDIVÍDUOS COGNITIVAMENTE SADIOS. Dement. neuropsychol. [online]. 2015, vol.9, n.3, pp.279-284. ISSN 1980-5764.  http://dx.doi.org/10.1590/1980-57642015dn93000011.

A afasia acomete de forma global ou seletiva a compreensão e a produção da linguagem oral e escrita. A análise do discurso pode auxiliar a avaliação e contribuir para o diagnóstico de linguagem.

Objetivo:

[1] Explorar narrativas que produzam o número de indicadores válidos para diagnóstico de afasia em sujeitos falantes do Português Brasileiro. [2] Analisar aspectos macroestruturais do discurso de indivíduos normais. [3] Analisar aspectos macroestruturais do discurso de indivíduos afásicos.

Métodos:

Foram analisados aspectos macroestruturais de três narrativas produzidas por indivíduos afásicos e sadios do ponto de vista cognitivo.

Resultados:

Foram examinados 30 voluntários, 10 afásicos (GA) e 20 indivíduos sadios (GC). O GC era composto de 5 indivíduos do gênero masculino. A média de idade desse grupo foi 38,9 (dP=15,61) e a de escolaridade 13 (dP=2,67). A média de idade do GA foi 51,7 (dP=17,3) e de escolaridade foi 9,1 anos (dP=3,69). Os sujeitos foram solicitados a narrar três histórias que serviram de base para análise da macroestrutura do discurso. Não houve diferenças estatisticamente significativas no número de proposições produzidas quando as três histórias foram comparadas. Houve correlação significativa, negativa, entre idade e número de proposições emitidas. Houve diferenças significativas no número de proposições emitidas pelos indivíduos do GC e do GA nas três histórias.

Conclusão:

Foi possível concluir que as três histórias são aplicáveis para avaliação de discurso, pois apresentam número similar de proposições e diferenciam afásicos e sujeitos sadios do ponto de vista cognitivo, a partir da análise de macroestrutura do discurso.

Palavras-chave : análise do discurso; afasia; avaliação de linguagem.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )