SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.13 número3SINTOMAS NEUROPSIQUIÁTRICOS E PREJUÍZOS NA FUNÇÃO EXECUTIVA NA DOENÇA DE ALZHEIMER E DEMÊNCIA VASCULAR: O PAPEL DOS CIRCUITOS SUBCORTICAISCAPACIDADE ANTIOXIDANTE TOTAL DIETÉTICA COMO UM FATOR DE PREVENÇÃO CONTRA A DEPRESSÃO EM MULHERES CLIMATÉRICAS índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Dementia & Neuropsychologia

versão impressa ISSN 1980-5764versão On-line ISSN 1980-5764

Resumo

FRANCISCO, Helen Capeleto et al. RELAÇÃO ENTRE PROCESSO COGNITIVO, LINGUAGEM E FLUÊNCIA VERBAL ENTRE IDOSOS INDIVIDUAIS. Dement. neuropsychol. [online]. 2019, vol.13, n.3, pp.299-304.  Epub 23-Set-2019. ISSN 1980-5764.  https://doi.org/10.1590/1980-57642018dn13-030006.

As dimensões cognitivas, como atenção, memória e funções executivas, podem diminuir com a idade, enquanto outras funções permanecem ou até melhoram devido a uma maior experiência de vida.

Objetivo:

analisar a relação entre processamento cognitivo, linguagem e fluência verbal em idosos atendidos em serviços de atenção básica localizados em um município do interior de São Paulo, Brasil.

Métodos:

estudo transversal, método quantitativo. Um total de 149 idosos foram avaliados por meio de entrevistas previamente agendadas. A coleta de dados incluiu um questionário abordando dados sociodemográficos e o Exame Cognitivo de Addenbrooke - Revisado (ACE-R). O processamento cognitivo (P300) foi avaliado por meio de um dispositivo que capta potenciais elicitados em tarefas auditivas. A análise descritiva e a correlação de Spearman foram realizadas com o nível de significância estabelecido em 5%.\

Resultados:

foi encontrada correlação negativa entre a linguagem e a latência do P300 e uma correlação positiva entre a fluência verbal e a amplitude do P300. Tarefas de compreensão e nomeação apresentaram uma correlação negativa com a latência. A tarefa de repetição revelou correlação positiva com a amplitude do P300.

Conclusão:

embora testes mais extensos sejam necessários, esses achados sugerem que a correlação de linguagem com a latência e fluência do P300 está correlacionada com a amplitude do P300.

Palavras-chave : idoso; envelhecimento; potencial relacionado ao evento; P300; linguagem.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )