SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.27 número1Effects of heat treatment on the microhardness of direct composites at different depths of restorationOrthodontic bonding to porcelain surfaces: in vitro shear bond strength índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Revista Odonto Ciência

versión On-line ISSN 1980-6523

Resumen

MARIANO, Luiz Oscar Honorato et al. Tensões em sobredentaduras com reabsorção óssea: análise por elementos finitos tridimensional. Rev. odonto ciênc. [online]. 2012, vol.27, n.1, pp. 41-46. ISSN 1980-6523.  http://dx.doi.org/10.1590/S1980-65232012000100008.

OBJETIVO: Avaliar, através da análise por elementos finitos com modelo tridimensional, o efeito da reabsorção óssea na distribuição de tensões em prótese tipo overdenture, em situações de perda óssea ao redor dos implantes e reabsorção do rebordo posterior. METODOLOGIA: Foram construídos modelos tridimensionais de uma mandíbula e de intermediários protéticos, prótese total, placa resiliente e implante. Os modelos geométricos dos implantes e intermediários protéticos foram montados na região dos caninos, constituindo o modelo 1. Para a construção dos modelos experimentais, o contorno do modelo geométrico da mandíbula foi alterado para simular a perda óssea nos implantes (modelo 2) e a reabsorção do rebordo posterior associada à perda óssea marginal nos implantes (modelo 3). Para gerar a malha de elementos finitos os materiais foram considerados homogêneos, isotrópicos e linearmente elásticos. Uma carga de 100 N foi aplicada indiretamente, sobre uma simulação de bolo alimentar, na região de primeiro molar inferior direito em cada um dos três modelos. Foram analisadas as distribuições de tensão de von Mises em pontos pré-determinados. RESULTADOS: A reabsorção óssea do rebordo posterior associada à perda óssea do osso periimplantar promoveu maior concentração de tensões nos implantes, nos componentes protéticos e no tecido ósseo marginal. Houve maior concentração de tensões no osso periimplantar e nos implantes no mesmo lado de aplicação da carga. CONCLUSÃO: Os resultados sugerem que a perda óssea periimplantar aumenta a concentração de tensões nos implantes, pilares e osso marginal independentemente da reabsorção óssea na crista distal.

Palabras llave : Implantes dentários; sobredentadura; biomecânica; análise por elementos finitos.

        · resumen en Inglés     · texto en Inglés     · pdf en Inglés