SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.8 número2Uso de cloro no controle de bactérias filamentosas em lodos ativados de indústria frigoríficaEcotoxicidade de efluentes brutos e tratados gerados por uma fábrica de medicamentos veterinários índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Revista Ambiente & Água

versão On-line ISSN 1980-993X

Resumo

CARVALHO, Roseanne Santos de et al. Influência do reuso de águas residuárias na qualidade microbiológica do girassol destinado à alimentação animal. Rev. Ambient. Água [online]. 2013, vol.8, n.2, pp.157-167. ISSN 1980-993X.  https://doi.org/10.4136/ambi-agua.1116.

A utilização de águas residuárias tratadas para fins agrícolas pode se tornar uma alternativa para a manutenção da qualidade dos corpos hídricos, da biota natural dos sistemas bem como alívio de demanda e preservação da oferta de água para uso mais restritivos. O presente trabalho teve como objetivo avaliar os efeitos do reuso de águas residuárias na qualidade microbiológica da parte aérea da cultura do girassol. O experimento foi realizado em casa de vegetação do Departamento de Engenharia Agronômica (DEA), localizada na Universidade Federal de Sergipe, Campus de São Cristóvão, no período de julho a setembro de 2012. As águas residuárias tratadas foram coletadas na Estação de Tratamento de Esgotos (ETE) Rosa Elze, localizada no Município de São Cristóvão/SE. A irrigação foi realizada utilizando-se diferentes proporções entre água potável e água residuária tratada. A lâmina de irrigação foi obtida utilizando-se o método da FAO 56. Foi utilizado o delineamento inteiramente casualizado (DIC), com cinco tratamentos e quatro repetições por parcela útil. Os dados obtidos foram submetidos à análise, conforme os parâmetros recomendados pela Resolução n°. 12 de 02/01/2001 da Agência Nacional de Vigilância Sanitária. Foi realizada a enumeração de coliformes termotolerantes, E. coli, bolores e leveduras, e a pesquisa de Salmonella. Os resultados obtidos nas análises de qualidade microbiológicas demonstram que a parte aérea do girassol encontrou-se dentro dos padrões estabelecidos pela legislação vigente, contudo fazem-se necessários estudos que investiguem o efeito da variação do solo.

Palavras-chave : reuso; águas residuárias; qualidade microbiológica; cultura do girassol.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons